Ir para conteúdo
fabriciols

[PS3] Qual foi sua Última Platina?

Recommended Posts

quem esta jogando games de ps3 nesses dias de hoje da pra desanimar com estes jogos com troféus online... certamente com servidor deserto e mais complicado em conseguir pessoal pra boost, principalmente se precisa de 3 ou mais 

  • Curti 3

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Nao lembro se postei aqui, mas platinei dark souls 2, o jogo é muito bom, achei muito legal armas com mais de uma função, tipo uma espada que também solta magias.

  • Curti 10

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Platina # 99 - Grand Theft Auto 4 (platina + 100%)

 

c97.jpg

 

 

Minha nossa, mais um GTA? Desta vez, adivinhem... a RockStar melhorou ainda mais a fórmula dos jogos de mundo aberto! Que surpresa, não?

 

Realmente não temos muito a acrescentar em termos do que já foi comentado nos reviews dos 3 jogos anteriores (todos citados no tópico correspondente na seção do PS4): é tudo muito bem feito, muito bem conduzido, muito engraçado e divertido. As inúmeras atividades apresentadas certamente dão um frescor necessário às explosivas missões da história, cada qual uma mais diferente da outra.

 

Em termos de pontos negativos, há de se citar a fraca jogabilidade de direção dos carros, que derrapam por qualquer motivo, impedindo você de atingir uma velocidade satisfatória quando anda pela cidade. Penso que foi uma tentativa de se oferecer uma direção menos arcade, o que foi posteriormente corrigido no próximo título da série. Além disso, temos também a câmera teimosa, que insiste em se auto-centralizar a todo momento, atrapalhando você de apontar para alguma direção em específico: por exemplo, ao se andar de carro e ver algo no cenário, você clica a câmera para lá, e ela quase que automaticamente volta ao seu caminho natural de mostrar somente o que está diretamente à sua frente.

 

Temos que levar em conta, também, que este é um jogo de 2008 (mas já?!), e que na época, mesmo apesar de todos os pesares, ele teve valores de produção altíssimos para o gênero, e também em comparação com seus similares de mundo aberto, que hoje empalidecem em retrospecto.

 

As DLCs são excelentes, entre as melhores do PS3: ambas são campanhas com boa duração, além de oferecer ainda mais atividades que aquelas do jogo principal. Uma ótima pedida para quem pretende alongar o tempo útil do jogo.

 

A platina (e o 100%, por sinal), são bem demorados: há troféus online que carecem de boost, e este é um dos piores do PS3 ao meu ver, tanto pelo lado da habilidade como pelo ângulo da repetição; e o modo campanha pede que você faça absolutamente tudo no jogo, é simplesmente o 100% mais difícil e demorado da série (já que no San Andreas não há este troféu, e no 5 o 100% não é verdadeiramente aquilo que é 100% existente no jogo); além disto, temos também outros troféus de coletáveis, atividades, matar inimigos de determinada forma e etc, o que já é lugar-comum na série, porém mesmo assim é algo vai tomar dezenas de horas do seu tempo.

 

Uma das DLCs, por sinal, também introduziu algo que se tornou padrão para os jogos posteriores da RockStar: fazer 100% dos requisitos de cada missão. E este troféu é dificílimo, já que alguns objetivos são bem específicos e pedem por um determinado grau de habilidade que vai tirar (ou já tirou) muita gente do sério.

 

Sobretudo, temos aqui um dos melhores jogos do PS3, uma verdadeira obra-prima.

 

Não gosto de linkar videos nos meus reviews, mas gostaria de deixar 3 aqui, provando como a série GTA é infinita na sua capacidade de criar NPCs com um absurdamente altíssimo grau de comédia, intencional ou não:

 

https://www.youtube.com/watch?v=brWB8ivjjJA

 

https://www.youtube.com/watch?v=cONyVSzZ6aQ

 

https://www.youtube.com/watch?v=InygsSjc86w

 

Nota do jogo: 9/10

Dificuldade do 100%: 8/10

Tempo do 100%: 180 horas (70 para os troféus online, 70 para a campanha principal, 40 para as 2 DLCs)

Bendito "Gold Star"...

Ficava puto da vida quando não conseguia fazer uma missão no tempo estabelecido, daí ficava meses sem jogar até me lembrar do Fly the Coop... Bons tempos de GTAIV!

 

Enviado de meu Moto G (4) usando o Tapatalk

  • Curti 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

#84 - full-trophy_0.pngfull-icon.png

 

Parece que a galera resolveu platinar esse jogo tudo na mesma época kkkk...Me junto ao coro sobre a excelência gráfica e de enredo do jogo, a gameplay achei boa, e tbm fiquei puto com os mais de 1000 coletáveis, mas tirando isso o saldo do game é extremamente positivo.

 

Como que um game com o envolvimento do mestre da captura de movimentos Andy Serkis, passou despercebido do público em geral? Fizeram quase tudo tão bom com o jogo e cagaram justamente no marketing :fuuu: , e com isso nunca teremos uma continuação mesmo com o jogo abrindo espaço pra isso, mas enfim saio extremamente satisfeito com o game, Ninja Theory é uma empresa que lança poucos jogos mas o fazem com qualidade, pena que agora está com a concorrente  :okay:

  • Curti 14

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Platina # 107 - Far Cry 3

 

farcry3.jpg

Rambo 8: Comando Delta Veloz e Furioso a Preço Fixo - Destruição Total

 

Continuando a sequência de platinas desta série tão adorada por muitos (mas não por mim), desta vez temos o que é provavelmente o jogo mais popular e querido da franquia (mas não por mim).

 

Em "Choro Distante 3" controlamos um rapaz chamado Jason Brody, que está curtindo férias numa ilha deserta com seus "bródis" (sim, eu sei, piada horrível) e se depara com uma situação inusitada: todos foram sequestrados e, adivinhem... sobra pra Jason salvar o dia, praticamente encarnando uma mistura de Rambo Stallone, Ahnold Xuaszinégs, Chuck Norris, Jason Statham, Vin Diesel, The Rock e demais congêneres.

 

Em termos de valores de produção, o jogo é claramente um passo adiante de seus predecessores: desta vez, a jogabilidade realmente foi aprimorada, com grande destaque para o sistema de stealth (que agora funciona e faz sentido); além disto, a boa variedade de missões é um grande atrativo durante a campanha; também há de se destacar, aliás, as missões e atividades secundárias, uma boa adição à um jogo que se propõe a ser de mundo aberto.

 

O grande problema deste jogo, porém, é que ele promete muito e cumpre pouco: os vilões (o tão citado e amado Vaas, principalmente) falam muito e fazem pouco, aparecendo em raríssimas ocasiões durante o enredo, praticamente uma participação especial aqui e ali. Durante a história, há um certo ensaio de que "bombásticas" revelações estão pra ocorrer, mas você, caso tenha mais de 25 de QI, enxerga elas à quilômetros de distância; e o final, que prometia ser algo chocante, também não choca coisa nenhuma, apenas te deixa com um "mas o que foi isso?" plantado acima da testa.

 

Mesmo assim, temos um jogo acima da média pro padrão de mundo aberto; sua jogabilidade excelente (talvez a melhor entre o gênero de FPS "sandbox"), aliada à sua grande variedade de atividades e duração satisfatória do modo campanha, faz com que ele seja um dos melhores do PS3, embora superestimado, ao meu ver.

 

Em termos de troféus, basicamente é aquela lista que você já está acostumado; se está lendo esta humilde resenha, sem dúvidas já sabe o que se esperar aqui. Ressaltamos que existem seis troféus onlines dentro da platina, os quais são feitos no modo coop do jogo, fora da campanha.

 

Nota do jogo: 8/10

Dificuldade da platina: 4/10

Tempo pra platina: 40 horas

  • Curti 12

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

#144ps3

 
Lollipop Chainsaw 
full-trophy_0.png
 
 
Tinha intenção de jogar este game já fazia alguns anos atrás, mas este jogo fui enrolando em adquirir por ter apenas em mídia física (único digital é na PSN JAP, não sei se teria legenda em PTBR), até que chegou o momento que comprei o PS4 (quase 4 anos atrás) e automaticamente deixei de jogar muitos games de PS3. Agora sem PS4 não poderia deixar passar esta oportunidade e cá estou.
 
Na época eu lido um pouco sobre o jogo... e jogando agora vi que é bem melhor do que eu esperava. 
 
Quem curti comédia besteirol aí levanta a mão?  :krumel:
 
A história é bem bizarro "Uma líder de torcida sexy caçadora de zumbis que ama pirulitos (preferencia sabor morango) e que namora com um aluno esportista que foi mordido por um zumbi e para que o mesmo não torne um zumbi a cheerleader sem pensar 2x arrancou a sua cabeça e com magia o mesmo sobrevive, sim somente a cabeça dele. Que ambos vão lutar não apenas pela sobrevivência mas sim salvar a humanidade....
Não posso afirmar mas acredito que maioria das versões do jogo tem legendas PTBR, isso facilita muito acompanhar a história e garantia de boas risadas rsrsrss
 
Este jogo contém poucas fases, apenas Prólogo + 6 níveis. Em cada nível há um chefe no final, mas é moleza. O jogo vai precisar ser jogado no mínimo 2x (1 no modo história padrão, e outra no modo classificação que é liberado após completar 1x a fase, este é o único troféu "online", que precisa jogar este modo apenas online, com a sua PSN iniciada).
A dificuldade hard é obrigatório para que alguns pirulitos / coletáveis apareçam. Troféus de zeramento não interfere na dificuldade que esteja jogando. Sem falar que há 2 finais, o bom e o ruim, logo há 2 troféus relacionado a concluir o jogo. 
 
Diria que esta platina seja moderada e um pouco demorada. Jogabilidade é meio estranho logo no começo porém rapidamente da para pegar os esquemas (depois que começa a dar upgrade na Juliet vai ficando cada vez mais tranquilo), gráficos bacana para o estilo do jogo e do ano de lançamento. Musicalidade do jogo é demais, muito boa. RnR !!!
 
E para os taradões de plantão... por Juliet ser uma líder de torcida a roupinha dela já é daquele jeito (tanto que há 1 troféu relacionado a olhar a calcinha da personagem kkkk) porém tem como escolher outras roupas uma mais Fap! que a outra.
 
 
Quem esteja jogando PS3 e ainda não jogou este belezinha aqui, recomendo e muuuuito. 
 
 
PLATINA

45040678535_d6bb7fbbb7_k.jpg

 

  • Curti 14

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Platina # 111 - Just Cause 2

 

96LXqdQ.jpg

Define bem a lógica do jogo.

 

O que define uma "Justa Causa"?

 

Experimentar um jogo baseado em filmes clássicos de ação e destruição dos anos 80 e 90, porém sem um pingo do charme e da graça destes?

 

Ser enviado à uma missão em um país fictício governado por um ditador, porém que tem infinitamente mais polícia nas ruas do que população nas cidades, e que é composto 95% por florestas e vegetação?

 

Controlar um protagonista mau humorado (porém, que acha que esta característica é charme!) e que tenta, a todo momento, fazer uma piadinha sobre como é fodão?

 

Ser acompanhado por coadjuvantes insossos, sem graça e desenvolvimento narrativo, porém que te enchem o saco a cada 10 segundos sobre determinada atividade?

 

Encarar uma platina que leva cerca de 80 horas, sendo apenas 10 destas gastas no modo história, e o restante com encheção de linguiça?

 

Dirigir veículos terrestres, aéreos e marítimos com uma jogabilidade horripilante, semelhante à brinquedos de papelão?

 

Passar 60 horas fazendo as mesmíssimas atividades, tais quais explodir bases e acampamentos e pegar 493.501.882.495 coletáveis, tudo isto com dezenas de inimigos no seu encalço?

 

E por falar neles: jogar um game em que os inimigos são infinitos, alertados simplesmente pelo fato de andar próximos a eles, possuem mira com 101% de precisão, e te deixam "no vermelho" com qualquer 2 ou 3 tiros?

 

Presenciar decisões esdrúxulas de design e programação, como a munição que acaba constantemente (e a qual os inimigos mortos mal derrubam pra você coletar!), checkpoints porcos, travamentos constantes (quase 15 vezes ao longo da platina!) e uma lista de troféus que, obviamente como você pode ler, estimula um "grind" monstruosamente cansativo?

 

E, após todos estes problemas, fechar esta platina?

 

Amigos, se isto não for uma Justa Causa, eu não sei o que seria.

 

Nota do jogo: 3/10

Dificuldade da platina: 6/10

Tempo pra platina: 80 horas

  • Curti 10

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Platina # 113 - Sniper: Ghost Warrior

 

8c5f11966e6d42919dea4514e4964063.jpg

 

Primo pobre da série "Sniper Elite", porém com jogabilidade em 1a pessoa, temos aqui (mais uma vez) as intrépidas aventuras de um atirador de elite que é enviado numa missão à algum ambiente hostil e cheio de vegetação, com orientações para eliminar toda a bandidagem e alcançar aquela bem procurada informação vital para os espiões americanos.

 

A campanha do jogo é satisfatória, com vários momentos de ação, aliados à trechos em que precisamos seguir aos comandos de nosso "spotter" (aquele cara que fica de longe, só analisando o cenário por binóculos); se você insistir em fazer algo diferente do que é informado, aí meu amigo, a coisa complica bastante.

 

A boa variedade de missões entre a campanha é um grande atrativo do jogo; outro, também, é a inclusão do conteúdo pós-lançamento já direto na versão de fábrica do jogo para o PS3, adicionando duas missões bem bacanas, divertidas e interessantes, entre os quais estão os troféus mais difíceis para a platina.

 

E por falar em troféus, temos uma lista básica do gênero, necessitando ser fechado o jogo na última dificuldade, eliminar inimigos de maneiras X, Y e Z, apanhar os coletáveis, e por aí vai. Há, também, um modo online no jogo, o qual requer quatro pessoas para se fazer o boost, que por sua vez leva cerca de 10 horas e é simples e direto.

 

No saldo geral, um bom jogo, linear em sua proposta e execução, porém não menos divertido por isto.

 

Nota do jogo: 6/10

Dificuldade da platina: 5/10

Tempo da platina: 30 horas

 

Platina # 114 - Sniper: Ghost Warrior 2 (platina + 100%)

 

ss_fe71b511f16393b69ff7ab74940e86ca3988e

"Como é que é mesmo? Ah, sim: boom, headshot!"

 

Uma ótima evolução em relação ao jogo anterior da série, com um modo campanha bacana, divertido e que se alterna ao longo de alguns períodos da vida do protagonista, trazendo pontos de vista interessantes sobre como a toada toda vai se desenvolvendo.

 

Os valores de produção, por sua vez, também foram aperfeiçoados, com a (já boa) jogabilidade se expandindo um pouco mais, além do maroto uso da famosa "bullet cam" e uma melhor (e excelente!) exploração da verticalidade e diversificação dos cenários.

 

A DLC necessária pro 100% também é bem legal, levando a história até a Sibéria, onde (mais uma vez) somos necessários para resolver um conflito. Ademais, continua a existir o modo online, onde desta vez é necessária a presença apenas de mais uma pessoa para se realizar os troféus, que são ainda mais fáceis e rápidos que os do primeiro jogo.

 

Em relação ao 100%, é tudo conforme as listagens do gênero, onde temos que zerar na última dificuldade, pegar coletáveis, e um ou outro troféu aleatório que já estamos carecas e acostumados a fazer.

 

No mais, temos aqui um dos melhores e mais subestimados jogos do PS3, que certamente agradou muita gente que se dispôs a arriscar uma aventura por estas pradarias.

 

Nota do jogo: 8/10

Dificuldade pro 100%: 4/10

Tempo pro 100%: 20 horas

  • Curti 11

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

The Amazing Spider Man

Apenas minha sexta platina, por ter jogado o "The Amazing Spider Man 2" resovi jogar esse, como dito por muitos, não é um jogo muito bom, história fraca... coletáveis chatos, porém me diverti nos primeiros capítulos

WhatsApp-Video-2018-11-19-at-18.27.45_%2

  • Curti 13

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Platina # 116 - Alice: Madness Returns (platina + 100%)

 

alice-2.jpg

 

Temos aqui um jogo de plataforma com pitadas de ação, baseado na temática do famoso conto "Alice no País das Maravilhas".

 

Surpreendentemente, o enredo toma vias macabras, começando pelo fato de Alice iniciar a história internada num hospício, por se culpar pela morte da família num incêndio que atingiu a casa onde moravam, matando todos.

 

Em termos de valores de produção, o game não apresenta nada acima da média, com um ligeiro destaque para o design das fases, cada qual com a sua variação dentro da mente doentia da protagonista. Entretanto, os capítulos são demasiadamente longos, o que torna o jogo cansativo e repetitivo.

 

Junto ao jogo base, temos também a DLC "American McGee's Alice", que nada mais é o 1o jogo desta que futuramente poderá se tornar uma trilogia. Bem antigo e com controles que vão te deixar bravo demais da conta, este aqui é somente pela curiosidade e diversão (e troféus) mesmo.

 

E por falar em troféus, há trocentos coletáveis no game, o que infelizmente incha o seu tempo útil. No mais, precisamos zerar na última dificuldade, melhorar todas as armas, eliminar inimigos de determinada maneira, e aquele velho lenga lenga que já estamos acostumados. Nada muito trabalhoso ou fora da curva.

 

No mais, um jogo mediano, porém com um viés narrativo interessante, mas que talvez não agrade a todos.

 

Nota do jogo: 5/10

Dificuldade do 100%: 5/10 (pontos extras devido à jogabilidade da DLC)

Tempo pro 100%: 25 horas

  • Curti 9

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Platina # 119 - Syndicate

 

 

Platina # 118 - Remember Me

 

 

Platina # 117 - Asura's Wrath (platina + 100%

 

Tales tá fritando nas platinas!

Ainda bem que os posts tem mais de 3 linhas porque senão eu ia reclamar :face2:

Sempre quis jogar esse Asura's Wrath.

Parabéns pelas platinas!

  • Curti 2

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Platina # 119 - Syndicate

 

syndicate-demo-footage.jpg

 

Nesta nova aventura, Lula e seus amig... peraí, resenha errada.

 

Temos aqui um FPS com toques de ficção científica e cenários e enredo cyberpunk, cujo enredo se passa numa sociedade futurística em que as corporações praticamente engoliram o sistema financeiro e monetário mundial, unificando os países em conglomerados em que, cada qual à sua maneira, defendem seus interesses comerciais e econômicos através de espionagem industrial e trapaças afim. Controlamos um agente de um destes conglomerados, que se vê à volta de uma conspiração envolvendo traições e reviravoltas, ao melhor estilo de filmes do gênero, como "Blade Runner".

 

Em termos de valores de produção, o jogo tem uma qualidade ligeiramente acima da média, com uma boa jogabilidade para um FPS, aliado ao "poder" que seu personagem possui, que é usar um chip implantado em seu córtex para hackear tudo que é passível de tal ação; por exemplo, com o simples toque de um botão você pode influenciar inimigos a se matarem, ou atacarem uns aos outros, e também fazer com que turretas e outros dispositivos eletrônicos se voltem contra eles. Tal diferenciação é realmente um ponto alto do jogo.

 

O enredo, a trilha sonora e demais congêneres também tem um bom degrau de qualidade, nunca deixando a peteca cair ao longo da campanha que, se possui uma duração curta, não tem encheção de linguiça e vários momentos legais.

 

O jogo também possui um modo coop, bem divertido por sinal, e que pode ser compartilhado com até mais três amigos, ao longo de diversas fases em que o tiroteio (e o hackeamento) corre solto, e a bala mastiga os crânios da bandidagem. Tal modo oferece uma certa dificuldade à platina, pois envolve diversos troféus de grind e determinado desafio que requerem um grupo bem azeitado para se dispor à enfrentá-los.

 

No restante da platina, o modo campanha tem a mesma lista de praxe de jogos do gênero, sendo preciso fechar a campanha na dificuldade mais alta, encontrar os coletáveis e tra lá lá. É curioso, por sinal, o fato do jogo ter um PDM altíssimo no portal, fato que não se justifica em nenhum momento ao longo da lista para a platina.

 

Finalmente, encontra-se aqui um divertido, frenético e bacanudo FPS, que certamente pouquíssima gente ouviu falar. Recomendo aos fãs do(s) gênero(s) citados.

 

Nota do jogo: 6/10

Dificuldade da platina: 6/10

Tempo pra platina: 50 horas

Já vi essa descrição no Wikipedia kkkkkkkkkkkk, zoeira parabéns pela descrição da jogatina/platina.
  • Curti 4

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisa ser um membro para fazer um comentário.

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...