Ir para conteúdo
Tio_Maluco

[Extra] Adolescente viciado em games morre diante de computador no seu quarto

Recommended Posts

Piyawat Harikun não resistiu a uma maratona de games

Piyawat Harikun não resistiu a uma maratona de games Foto: Reprodução

Um adolescente viciado em games foi achado morto diante de um computador no seu quarto, na casa em que morava com a família em Udon Thani (Tailândia), na última segunda-feira (4/11).

 

O caso ocorreu no fim de outubro. Piyawat Harikun, de 17 anos, aproveitou um feriado escolar para realizar uma maratona de games no computador. Ao lado do cadáver foram achadas caixas de comida para viagem e uma garrafa de refrigerante.

Piyawat costumava varar noites desafiando online outros jogadores.

 

O cadáver de Piyawat Harikun caído diante do computador

O cadáver de Piyawat Harikun caído diante do computador Foto: Reprodução

 

Jaranwit, o pai de Piyawat, foi quem encontrou o corpo do jovem. O tailandês, que é oficial da Marinha, tentou reanimar o filho, mas não obteve sucesso.

 

"Eu gritei o nome dele e disse: 'Acorde, acorde!' Não consegui ver que ele já estava morto", declarou Jaranwit, segundo o site "Unilad".

Médicos disseram que o adolescente sofreu um derrame cerebral.

 

Em maio de 2019, o vício em videogame (formalmente conhecido como transtorno de jogo) foi oficialmente reconhecido pela Organização Mundial da Saúde como uma doença. É caracterizado por "um padrão de comportamento persistente ou recorrente nos jogos, que podem estar online ou offline, manifestado por submissão à vontade de jogar, aumentando a prioridade dada aos jogos na medida em que os jogos têm preponderância sobre outros interesses da vida e das atividades diárias. No distúrbio se nota continuação ou escalada de jogos, apesar da ocorrência de consequências negativas".

 

Para ser diagnosticado com o distúrbio, o paciente tem que exibir o comportamento específico por um período mínimo de 12 meses. Se os sintomas forem graves, um diagnóstico pode ser alcançado mais rapidamente.

 

Fonte Extra

  • Triste 6

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Muito triste realmente... mas pelo visto ele não tava só jogando... tava fapeando que nem louco também rs... aí não há coração que aguente marotano de jogatina e pupunha.

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Muito triste essa notícia.

Realmente o ser humano não tem limites quando se trata de um vício, seja ele por drogas, games, comidas, bebidas ou qualquer outra coisa.

 

E o que sempre digo aos meus amigos: Videogame é muito bom, mas todos nós temos que ter noção que a vida virtual, por melhor que ela seja, nunca pode vir primeiro que a vida real. A real é uma só e se bobear vc pode colocar a sua vida e/ou de seus familiares em risco.

  • Curti 4

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Lembrei de um episódio que aconteceu comigo mesmo e isso que eu nem sou viciado..jogo no máximo 2 horas seguida quando da e olhe lá..agora com uma filha então nem se fala rs

Mas eu quando joguei bloodborne fiquei muito nervoso..e quando perdia ter que voltar tudo e fazer tudo de novo para morrer no Boss em 2 min ficava possesso..percebia que ficava muito eufórico e tals..chegava a ficar vermelho no rosto e o coração batendo mais rápido..rsrsrs até minha esposa falava que eu ia ter um piripaque rsrs e poderia sim ter tido em algum momento um problema desses..e depois que parava somente uns 15 min depois que voltava ao normal..

O que quero dizer com isso é que nem sou viciado mas poderia ter acontecido algo..e ali percebi que realmente precisa ter um limite..imagina uma pessoa por exemplo ficar nesse mesmo estado que eu ficava, mas passando tipo 5 horas seguidas ou mais igual a esse menino..pode ser fatal mesmo..então precisa ter limites..jogar é bom mas tem que ser um passatempo, uma distração do dia-a-dia..agora passar horas e horas trancado somente nisso nunca será saudável..tirando a vida social que acaba não existindo mais..

  • Curti 3

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites
41 minutos atrás, MARGOVE disse:

Lembrei de um episódio que aconteceu comigo mesmo e isso que eu nem sou viciado..jogo no máximo 2 horas seguida quando da e olhe lá..agora com uma filha então nem se fala rs

Mas eu quando joguei bloodborne fiquei muito nervoso..e quando perdia ter que voltar tudo e fazer tudo de novo para morrer no Boss em 2 min ficava possesso..percebia que ficava muito eufórico e tals..chegava a ficar vermelho no rosto e o coração batendo mais rápido..rsrsrs até minha esposa falava que eu ia ter um piripaque rsrs e poderia sim ter tido em algum momento um problema desses..e depois que parava somente uns 15 min depois que voltava ao normal..

O que quero dizer com isso é que nem sou viciado mas poderia ter acontecido algo..e ali percebi que realmente precisa ter um limite..imagina uma pessoa por exemplo ficar nesse mesmo estado que eu ficava, mas passando tipo 5 horas seguidas ou mais igual a esse menino..pode ser fatal mesmo..então precisa ter limites..jogar é bom mas tem que ser um passatempo, uma distração do dia-a-dia..agora passar horas e horas trancado somente nisso nunca será saudável..tirando a vida social que acaba não existindo mais..

 

Sofro com isso até hoje, sempre fui esquentadão em games, tanto que minha namorada/familiares até se assustam com os surtos de raiva que eu tinha quando perdia por ser muito competitivo, por isso passo longe de multiplayer, estou me policiando em melhorar e não ligar em perder, até porque acontece, já melhorei muito em comparação ao passado, ainda bem, eu esmurrava paredes quando perdia, ficava possesso, era tenso, quero parar com essa atitude 100% e jogar por diversão mesmo, sem sair mais estressado do que quando comecei a jogar kkk.

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites
16 minutos atrás, Yulhin disse:

 

 

Eu nunca fui esquentadão..mas com a vontade de platinar o jogo e sendo difícil pra mim na época acho q virou isso aí rsrs claro que Bloodborne eh um jogo que provável

que todos que jogaram passaram raiva em algum momento..meu camarada tava jogando um dia e estávamos em uma party rsrs ele xingava mto rsrsrsrs aí falei..sei bem como eh esse sentimento rsrsrs típico do jogo mesmo..mas até com troféu pode acontecer né ? Tipo acabar o jogo em tanto tempo..não tem como não ficar pilhado 

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

antes eu me estressava pra caramba, do tipo de socar a cama e o escambau, hoje um xingamentozinho já tá de bom de tamanho, se eu vejo que o chefe está difícil demais eu paro desligo um pouco e começo a pensar em táticas de como matá-lo

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, MARGOVE disse:

 

 

Exatamente isso, bloodborne me tirou altas tranquilidades naqueles malditos cálices kkkk

 

1 hora atrás, hyuga_91 disse:

antes eu me estressava pra caramba, do tipo de socar a cama e o escambau, hoje um xingamentozinho já tá de bom de tamanho, se eu vejo que o chefe está difícil demais eu paro desligo um pouco e começo a pensar em táticas de como matá-lo

Um xingão básico nunca pode faltar, mas ficar surtando já era demais, não vale a pena kkk

  • Curti 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites
30 minutos atrás, Yulhin disse:

 

Exatamente isso, bloodborne me tirou altas tranquilidades naqueles malditos cálices kkkk

O jogo todo me tirou a tranquilidade rsrsrsrsrsrs

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites
Agora, Yulhin disse:

 

Exatamente isso, bloodborne me tirou altas tranquilidades naqueles malditos cálices kkkk

 

Um xingão básico nunca pode faltar, mas ficar surtando já era demais, não vale a pena kkk

 

Agora, Yulhin disse:

 

Exatamente isso, bloodborne me tirou altas tranquilidades naqueles malditos cálices kkkk

 

Um xingão básico nunca pode faltar, mas ficar surtando já era demais, não vale a pena kkk

imagina um cara que xingava bravo pra caramba, tipo de se estressar mesmo, hoje eu xingo, mas estou de boa

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites
7 horas atrás, Yulhin disse:

Que triste, uma pena para a família.

 

6 horas atrás, hyuga_91 disse:

mano que triste, pesâmes para família

 

5 horas atrás, MamyBR disse:

:face:

 

5 horas atrás, jon86rodriguez disse:

Muito triste realmente... mas pelo visto ele não tava só jogando... tava fapeando que nem louco também rs... aí não há coração que aguente marotano de jogatina e pupunha.

 

4 horas atrás, MARGOVE disse:

Meu deus..q horrível..quando a jogatina passa dos limites..

 

4 horas atrás, eduhlopes disse:

Muito triste essa notícia.

Realmente o ser humano não tem limites quando se trata de um vício, seja ele por drogas, games, comidas, bebidas ou qualquer outra coisa.

 

E o que sempre digo aos meus amigos: Videogame é muito bom, mas todos nós temos que ter noção que a vida virtual, por melhor que ela seja, nunca pode vir primeiro que a vida real. A real é uma só e se bobear vc pode colocar a sua vida e/ou de seus familiares em risco.

 

 

Amigos, o que mata a pessoa nesses casos de jogatina longa não é o estresse ou descontrole emocional, a menos claro que o jogador já tenha problemas cardiacos, mas na maioria dos caso o que mata um jogador hardcore que fica horas e horas na frente da TV são tromboses (coagulos) nas veias da perna) que se formam quando a gente fica muito tempo com as pernas dobradas, tipo quando ficamos sentados em cadeiras, sofas e etc. Essa trombose pode se soltar quando a gente se levanta e ir para o pulmão, coração ou cérebro, e é ai que a pessoa morre...Só no caso do cérebro que a pessoa pode sobreviver ao derrame e ficar todo torto, o que para o Tio seria pior do que morrer!

 

Um site com uma explicação mais detalhada do problema

 

http://www.osul.com.br/trombose-nas-pernas-passar-muitas-horas-sentado-na-mesma-posicao-e-um-dos-fatores-de-risco-para-a-doenca/

 

o Tio a cada 1 hora para jogatina, levanta, caminha até a geladeira, pega uma cerva e volta para jogatina. Essa caminhada já previne a trombose. :1322025603_17Devil:

  • Curti 6

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites
Agora, Tio_Maluco disse:

 

 

 

 

 

 

 

Amigos, o que mata a pessoa nesses casos de jogatina longa não é o estresse ou descontrole emocional, a menos claro que o jogador já tenha problemas cardiacos, mas na maioria dos caso o que mata um jogador hardcore que fica horas e horas na frente da TV são tromboses (coagulos) nas veias da perna) que se formam quando a gente fica muito tempo com as pernas dobradas, tipo quando ficamos sentados em cadeiras, sofas e etc. Essa trombose pode se soltar quando a gente se levanta e ir para o pulmão, coração ou cérebro, e é ai que a pessoa morre...Só no caso do cérebro que a pessoa pode sobreviver ao derrame e ficar todo torto, o que para o Tio seria pior do que morrer!

 

Um site com uma explicação mais detalhada do problema

 

http://www.osul.com.br/trombose-nas-pernas-passar-muitas-horas-sentado-na-mesma-posicao-e-um-dos-fatores-de-risco-para-a-doenca/

 

o Tio a cada 1 hora para jogatina, levanta, caminha até a geladeira, pega uma cerva e volta para jogatina. Essa caminhada já previne a trombose. :1322025603_17Devil:

Acumula isso com doses cavalares de cafeina, comida lixo: salgadinho, refrigerante etc, horas sem dormir

o estresse pode até não matar, mas convenhamos ajuda pra caramba a piorar a saúde

  • Curti 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Tudo em excesso é prejudicial.  Até mesmo água... 

 

 

Em 06/11/2019 em 16:00, Tio_Maluco disse:

o Tio a cada 1 hora para jogatina, levanta, caminha até a geladeira, pega uma cerva e volta para jogatina. Essa caminhada já previne a trombose. :1322025603_17Devil:

:motherofgod:

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisa ser um membro para fazer um comentário.

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...