Ir para conteúdo
jfrl1991

Diário de bordo: Saga Assassin's Creed

Recommended Posts

O Assassin's Creed eu gostava muito,joguei o primeiro depois os outros em ordem mas parei no "Revelations" fiquei irritado com as notícias do Assassin's Cred III e o "Revelations" é muito bom na história mas parece um DLC nas mecânicas,a partir dele eu parei de jogar a saga,mas devo voltar quando aparecer algumas boas promoções,lembro de me divertir muito jogando o II mas acho que o melhor de todos foi o Brotherhood porque apesar de repetir praticamente em tudo o II em quesito de jogabilidade a história foi a que mais me cativou.É realmente uma grande série mas pena que ela é anual e isso me fez tomar um pouco de raiva dela pois se não comprar no lançamento pouco tempo depois já vai vindo outro e assim por diante.Por isso estou esperando juntar muitos da saga(já tem o III,IV e Liberation HD).

 

Detestei a parte do Desmond no Revelations.

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Se eu não me engano foi você que eu perguntei onde comprou o Heritage Collection, enfim...

 

Li todas suas postagens e fiquei curioso a jogar. Comigo acontece a mesma coisa que aconteceu com você, eu sempre tive curiosidade de jogar essa série, mas nunca compro. Infelizmente não acho esse Collection por um preço acessível, e acho que vou comprar a Trilogia e o 1, porque o III e o IV eu já tenho mas nunca joguei.

 

Fiquei curioso com suas postagens e você foi a primeira pessoa que eu vi que gostou do 1. Apesar que muitos jogam por troféus e gráficos, e não pela estória do jogo.

 

Parabéns pelo tópico e vou continuar acompanhando, e espero começar a minha saga em breve!

  • Curtir 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Se eu não me engano foi você que eu perguntei onde comprou o Heritage Collection, enfim...

 

Li todas suas postagens e fiquei curioso a jogar. Comigo acontece a mesma coisa que aconteceu com você, eu sempre tive curiosidade de jogar essa série, mas nunca compro. Infelizmente não acho esse Collection por um preço acessível, e acho que vou comprar a Trilogia e o 1, porque o III e o IV eu já tenho mas nunca joguei.

 

Fiquei curioso com suas postagens e você foi a primeira pessoa que eu vi que gostou do 1. Apesar que muitos jogam por troféus e gráficos, e não pela estória do jogo.

 

Parabéns pelo tópico e vou continuar acompanhando, e espero começar a minha saga em breve!

 

Se vc já tem o III e o IV vale muito a pena pegar o Ezio Trilogy. E quanto ao primeiro jogo, já vi por R$ 20,00. Não é conta de PSN, é jogo físico mesmo. Basta que vc procure bem.

 

Faça o que eu fiz: Jogue o primeiro e só então siga jogando os jogos seguintes. O primeiro jogo da saga não é tão cheio de coisas para fazer quanto os outros mas é muito bom. Acredito que a recepção do primeiro jogo não foi tão boa porque as pessoas tendem a avaliar o Assassin's Creed I comparando com os jogos seguintes. É o mesmo de eu falar que o FIFA 97 é horrível depois de ter jogado o 2014. O 97 não é ruim (tinha até futsal  :hehe: ), tanto que quando jogava eu gostava.

Se vc descobrir algo curioso nas suas jogatinas de AC poste aqui para que troquemos conhecimento. :)

  • Curtir 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Boa escolha de série meu caro pro seu diario... Eu platinei alguns são todos jogos ótimos, vc me deu a ideia de fazer um diario de bordo da serie Souls... Comecei o Demons Souls a pouco tempo e ta bem hard...   :okay:

  • Curtir 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Se vc já tem o III e o IV vale muito a pena pegar o Ezio Trilogy. E quanto ao primeiro jogo, já vi por R$ 20,00. Não é conta de PSN, é jogo físico mesmo. Basta que vc procure bem.

 

Faça o que eu fiz: Jogue o primeiro e só então siga jogando os jogos seguintes. O primeiro jogo da saga não é tão cheio de coisas para fazer quanto os outros mas é muito bom. Acredito que a recepção do primeiro jogo não foi tão boa porque as pessoas tendem a avaliar o Assassin's Creed I comparando com os jogos seguintes. É o mesmo de eu falar que o FIFA 97 é horrível depois de ter jogado o 2014. O 97 não é ruim (tinha até futsal  :hehe: ), tanto que quando jogava eu gostava.

Se vc descobrir algo curioso nas suas jogatinas de AC poste aqui para que troquemos conhecimento. :)

haha eu fiquei louco quando vi que tinha futsal no 97. Seu tópico me deu mais vontade ainda de jogar, vou ver se compro o 1 até semana que vem. Não sei se vou ter um olhar tão rico de detalhes e conhecimento quanto o seu, mas pode deixar que quando começar  venho aqui comentar novamente.

 

Continua sua saga que ta muito da ora ler!!!

  • Curtir 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Joguei bastante e terminei a sequência 5 e fiz várias missões secundárias. Descobri algumas tumbas escondidas (se eu achar todas vou ganhar algo especial no final), glifos (que liberam puzzles bem legais) e restaurei por completo minha cidadezinha. Achei muito rápida essa parte. Qualquer cara um pouco esperto perceberia que basta investir em construções para que a cidade comece a dar altos lucros. Não estou nem na metade do jogo e já tenho um fluxo de receitas de quase 20 mil florins a cada 20 minutos. Espero que no próximo jogo isso seja mais complexo e mais difícil. 

 

Estou intrigado com as recompensas que recebo depois de solucionar os puzzles desbloqueados quando encontro um glifo. São chamadas de "The truth". Falando nisso, o jogo parece ser 3 em 1: A história do Ezio, a história do Desmond e a história deixada pelo subject 16. Nunca tinha jogado nada igual e estou achando muito legal.

  • Curtir 4

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

É isso mesmo... A estratégia foi feita certa... 

 

Sim ao abrir as tumbas vc vai ganhar algo no final...

 

Sim, são 3 histórias Ezio, Desmond e Subjetc 16... Vc vai entender o quão importante ele é durante esse e os próximos jogos...

 

Não vou contar o que é The Truth. mas é algo bem louco que ajuda a ligar ainda mais as histórias.... Só um conselho, parece que está curtindo muito mesmo, mas agora que chegou no AC2, tente analisá-los na ideia completa, ou seja, AC2, Brotherhood e Revelations... Todos fazem parte de um mesmo contexto histórico.... São continuações diretas um do outro.... 

 

E sim, na medida do possível deixa as penas para pegar no final do jogo.... quando tiver tudo aberto.... Elas fazem um barulho tipo de sino quando vc está perto, mas muitas estão dentro dos prédios... Se vc escalar um prédio, ter certeza que está no lugar correto, mas ainda não a pegou, procure dentro do prédio... Aconteceu comigo na última pena... 

 

Se conseguir desviar de todas durante o jogo inteiro fica mais fácil para pegá-las....

  • Curtir 2

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Espero entender facilmente a estória igual a vocês, mesmo sendo inglês até o Revelations

Manolo se você ficar totalmente perdido com o inglês, jogue em outra idioma.

 

Eu por exemplo já platinei o AC 2 umas 3 vezes (usuários diferentes) Joguei a primeira em inglês depois só para ver como ficava joguei em Italiano (Já que o jogo se passa na Itália eu quis ver como ficava) e muita coisa da pra entender mesmo se não souber italiano e se não me engano tem Espanhol também, é o mais parecido com o Português e vai te ajudar bastante.

  • Curtir 2

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Manolo se você ficar totalmente perdido com o inglês, jogue em outra idioma.

 

Eu por exemplo já platinei o AC 2 umas 3 vezes (usuários diferentes) Joguei a primeira em inglês depois só para ver como ficava joguei em Italiano (Já que o jogo se passa na Itália eu quis ver como ficava) e muita coisa da pra entender mesmo se não souber italiano e se não me engano tem Espanhol também, é o mais parecido com o Português e vai te ajudar bastante.

 

Façam como ele: Joguem em italiano. É a melhor forma para que vcs se sintam completamente imersos no jogo. 

 

Vi um vídeo no youtube e o 2 está legendado em Português. Procede essa informação jfrl1991?

 

Meu jogo é R2 e não tem essa opção. Veja no youtube de qual plataforma é o jogo e de qual região.

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Bem, nenhum jogo é perfeito. E esse não é uma exceção. Cheguei à parte ruim do jogo. Para ser mais preciso, a sequência 6. A história mostrada nessa sequência dá a impressão de que foi uma encheção de linguiça. Como se precisassem esticar o jogo, colocaram objetivos bobos e sem muito sentido. Algo completamente dispensável. Mas o que me deixou chateado mesmo e que me fez cometer rage quitting não foi essa enrolação toda nessa sequência. Logo após ela eu voltei a controlar Altaïr. Sim, o mesmo Altaïr do primeiro jogo. Tive que perseguir um alvo que se escondeu numa torre das muralhas de Acre e tive que escalá-la. Parece simples, não? Nem tanto assim. Após escalar uma sacada não há qualquer indicativo para onde se deva ir. Como se não bastasse, não há caminho alternativo. Não entendi como a Ubisoft deixou essa passar. Durante todo o jogo as escaladas e saltos fluem bem. E nessa parte há uma quebra brusca da progressão do jogo.

 

Digitei no google "Assassin's Creed II as Altaïr" e antes de terminar de escrever how to climb the tower já apareceram para mim várias sugestões de pesquisas relacionadas à infame torre. Ao entrar na primeira sugestão, me deparei com diversos tópicos dos mais variados fóruns de pessoas reclamando dessa parte do jogo. E há ainda vários vídeos com milhares de visualizações mostrando como escalá-la. Se me serve de alento, ao menos eu não sou o único que não entendeu e nem viu o caminho para escalar a torre. Uma prova de que essa parte não recebeu a devida atenção e capricho por parte da Ubisoft.

  • Curtir 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Bem, nenhum jogo é perfeito. E esse não é uma exceção. Cheguei à parte ruim do jogo. Para ser mais preciso, a sequência 6. A história mostrada nessa sequência dá a impressão de que foi uma encheção de linguiça. Como se precisassem esticar o jogo, colocaram objetivos bobos e sem muito sentido. Algo completamente dispensável. Mas o que me deixou chateado mesmo e que me fez cometer rage quitting não foi essa enrolação toda nessa sequência. Logo após ela eu voltei a controlar Altaïr. Sim, o mesmo Altaïr do primeiro jogo. Tive que perseguir um alvo que se escondeu numa torre das muralhas de Acre e tive que escalá-la. Parece simples, não? Nem tanto assim. Após escalar uma sacada não há qualquer indicativo para onde se deva ir. Como se não bastasse, não há caminho alternativo. Não entendi como a Ubisoft deixou essa passar. Durante todo o jogo as escaladas e saltos fluem bem. E nessa parte há uma quebra brusca da progressão do jogo.

 

Digitei no google "Assassin's Creed II as Altaïr" e antes de terminar de escrever how to climb the tower já apareceram para mim várias sugestões de pesquisas relacionadas à infame torre. Ao entrar na primeira sugestão, me deparei com diversos tópicos dos mais variados fóruns de pessoas reclamando dessa parte do jogo. E há ainda vários vídeos com milhares de visualizações mostrando como escalá-la. Se me serve de alento, ao menos eu não sou o único que não entendeu e nem viu o caminho para escalar a torre. Uma prova de que essa parte não recebeu a devida atenção e capricho por parte da Ubisoft.

Cara eu não lembro desse problema em si... Acho que eu devo ter tido a sorte e acertado o caminho na primeira tentativa... Mas o pq dessa missão com o Altair será explicada mais na frente... Não sofra e não tenha rage quitting agora... Vai por mim... Se vc gostou até agora, com certeza vai gostar das sequências... Não só ainda de AC2, mas também em ACBrotherhood e Revelations, onde tudo se fecha....

  • Curtir 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

E apareceu um romance no jogo! Não foi mostrado muito ainda, mas posso dizer que jamais imaginaria que 2 pessoas que em tese são inimigas mortais se relacionariam assim. Até parece um conto de fadas. Se o Altaïr não fosse um assassino frio e cruel talvez a Disney compraria os direitos e lançaria um desenho do jogo. Brincadeiras à parte, espero que esses flashbacks do Altaïr se repitam: Tapam buracos da história do primeiro jogo de uma forma que enriquece a trama de toda a saga.

 

Algo que gostei muito nesse jogo são os puzzles liberados após os glifos encontrados. Alguns são fáceis, outros nem tanto. O curioso é que sempre que eu soluciono um que estava achando difícil eu penso "ah, era só isso?". Fiquei 2 dias para solucionar um puzzle em particular. Cheguei a pensar em pôr no google, mas onde ficaria meu orgulho de assassino? O Altaïr e o Ezio nunca usaram a internet para fazer o que fizeram. Sim, eles eram o Chuck Norris da época deles. :fuck:  Acredito que eu apenas usarei o sr. google para pegar as penas. Cá entre nós, pegar 100 objetos iguais e espalhados por mapas enormes é um saco. Se eu pudesse, esfregaria as penas na fuça do Petruccio. "Toma aqui suas penas!"   :hehe: Agora quanto aos puzzles e demais coletáveis vou pegar na raça.

 

Parei o jogo enquanto viajava para Veneza com meu amigo Leonardo. Veremos o que nos espera na Sereníssima República.

  • Curtir 2

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

E apareceu um romance no jogo! Não foi mostrado muito ainda, mas posso dizer que jamais imaginaria que 2 pessoas que em tese são inimigas mortais se relacionariam assim. Até parece um conto de fadas. Se o Altaïr não fosse um assassino frio e cruel talvez a Disney compraria os direitos e lançaria um desenho do jogo. Brincadeiras à parte, espero que esses flashbacks do Altaïr se repitam: Tapam buracos da história do primeiro jogo de uma forma que enriquece a trama de toda a saga.

 

Esses flashbacks fazem parte do final do livro do primeiro jogo.

  • Curtir 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Esses flashbacks fazem parte do final do livro do primeiro jogo.

Bem lembrado FBanin...

 

Não faça maldades com as penas, vc precisará delas no final... kkkkk Isso se vc quiser platinar o jogo..

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Veneza é uma cidade fascinante. A arquitetura e os venezianos em si são muito interessantes. Reparei em algo que achei muito legal: Os venezianos não falam o mesmo italiano de Florença. É algo parecido e que dá para entender, mas é diferente. Os venezianos do jogo falam com som de s palavras que em Florença se fala com som de z, comem o final de algumas palavras e mudam a sílaba tônica de outras. Eu não falo o dialeto vêneto, mas acredito que a língua mostrada no jogo seja o dialeto vêneto da época. Achei interessante também que as putas (ou como dizem no jogo "cortesãs") de Veneza são mais discretas que as de Florença: Enquanto que as florentinas atraem a clientela com gemidos, gesticulando e levantando a barra do vestido, as venezianas simplesmente olham de lado e chamam os homens nas ruas fazendo aquele sinal com o dedo indicador  de "Vem cá". Outra coisa que reparei é que os guardas da cidade tem armaduras melhores e lanceiros/piqueiros são mais comuns do que em Florença. Acredito que isso se deva ao fato da guerra contra os turcos. Particularidades da sereníssima república...

 

Serena só no nome: A cidade é cheia de ladrõezinhos. Ficam no telhado, nas esquinas e zanzam pela cidade. Fiz amizade com um grupo deles e ajudei uma ladra que ficou ferida numa fuga dos guardas: Rosa. Pelo andar da carruagem, ela e o Ezio terão alguma coisa futuramente. :)

  • Curtir 4

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Veneza é uma cidade fascinante. A arquitetura e os venezianos em si são muito interessantes. Reparei em algo que achei muito legal: Os venezianos não falam o mesmo italiano de Florença. É algo parecido e que dá para entender, mas é diferente. Os venezianos do jogo falam com som de s palavras que em Florença se fala com som de z, comem o final de algumas palavras e mudam a sílaba tônica de outras. Eu não falo o dialeto vêneto, mas acredito que a língua mostrada no jogo seja o dialeto vêneto da época. Achei interessante também que as putas (ou como dizem no jogo "cortesãs") de Veneza são mais discretas que as de Florença: Enquanto que as florentinas atraem a clientela com gemidos, gesticulando e levantando a barra do vestido, as venezianas simplesmente olham de lado e chamam os homens nas ruas fazendo aquele sinal com o dedo indicador  de "Vem cá". Outra coisa que reparei é que os guardas da cidade tem armaduras melhores e lanceiros/piqueiros são mais comuns do que em Florença. Acredito que isso se deva ao fato da guerra contra os turcos. Particularidades da sereníssima república...

 

Serena só no nome: A cidade é cheia de ladrõezinhos. Ficam no telhado, nas esquinas e zanzam pela cidade. Fiz amizade com um grupo deles e ajudei uma ladra que ficou ferida numa fuga dos guardas: Rosa. Pelo andar da carruagem, ela e o Ezio terão alguma coisa futuramente. :)

 

Veneza é tipo Belzonte... (Belo Horizonte) kkkkkk  

  • Curtir 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Veneza é tipo Belzonte... (Belo Horizonte) kkkkkk  

 

Por causa dos ladrões ou das putas?

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Por causa dos ladrões ou das putas?

 

Por causa do jeito que eles falam.... kkkkkk Comendo o final das palavras..... 

  • Curtir 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Fiquei zanzando por Florença e Veneza procurando glifos e solucionando os puzzles dos mesmos. A "terceira história" do jogo (The Truth) vem tomando contornos de história principal e deixando as histórias do Ezio e Desmond como secundárias. Também explorei algumas tumbas e peguei algumas cartas de códigos para o Leonardo. A parte das tumbas já encheu o saco. Parece aquelas partes chatas do Prince of Persia de PS2 e do Tomb Raider das antigas. A câmera fica muito próxima ao Ezio e muitas vezes não consigo ver para onde ir. Espero que a Ubisoft tenha consertado isso nos próximos jogos.

  • Curtir 2

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Quando completar o vídeo do The Truth descreva sua reação.

 

Deverá ser o melhor post do diário.

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Quando completar o vídeo do The Truth descreva sua reação.

 

Deverá ser o melhor post do diário.

 

Faltam só 2 glifos para eu ter acesso ao vídeo inteiro. Como cada glifo libera uma parte muito pequena do vídeo (um pouco mais de 1 segundo), acredito que nada de importante será revelado. Vai ficar algo no ar, para ser decifrado nos jogos seguintes. É apenas um palpite, veremos o que me aguarda.

  • Curtir 1

Compartilhe esta postagem


Link to post
Share on other sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Visitante
Responder a este tópico

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


×
×
  • Criar Novo...