Ir para conteúdo

Lucasgc45

Trophy Hunter
  • Total de itens

    585
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    2

Lucasgc45 venceu a última vez em Setembro 21 2018

Lucasgc45 had the most liked content!

Reputação

1.896 Platina

7 Seguidores

Sobre Lucasgc45

  • Rank
    Bronze Hunter

Contatos

  • Skype
    lucasgc45@hotmail.com

Informações Pessoais

  • Nome
    Lucas

Últimos Visitantes

722 visualizações
  1. PSN #13 - SteamWorld Dig Eu diria que aqui temos uma mistura de metroidvania com Minecraft que deu muito certo. Controlamos um robô minerador que chega em uma cidade no deserto que possui uma grande mina aguardando para ser escavada, mas para conseguir chegar nas áreas mais profundas vamos precisar explorar bem para achar novas tecnologias e adquirir minérios para vender na cidade, para assim desbloquear melhorias, novas ferramentas de escavação, etc. O jogo é bem divertido e curto, mas o 100% pode dar um pouco de trabalho devido ao troféu de ouro dele, que exige que você termine o jogo em menos de 2:30h, sem morrer e farmando uma quantidade mínima de recursos que encontramos pelos mapas.
  2. #72 - Resident Evil: Revelations Mais um para a lista de platinas da franquia. Este com certeza até o momento foi o que me deu mais trabalho para platinar, não por ser o que possui os troféus mais difíceis (Code Veronica ainda fica como o mais difícil até o momento), mas sim o que demanda mais tempo. O jogo é muito bom, com o sistema de jogabilidade que foi consagrado pelo RE4 e possui uma ambientação bem interessante, com a campanha se passando em grande parte do tempo em um navio que foi infectado por um vírus que transforma as pessoas em espécies de monstros abissais. A história é bem interessante e os novos personagens apresentados também agradam, e o último chefe da campanha na minha opinião é um dos mais difíceis da franquia, pois ele exige bastante habilidade com a mira da arma e da mecânica de esquiva do jogo (nada de Rocket Launcher pra te salvar nessa treta). Muitos troféus da campanha são perdíveis, então recomendo usar um guia para ficar de olho neles, principalmente para os mais corajosos que quiserem fazer tudo em apenas uma jogada direto na dificuldade mais alta. Mas vamos à parte que realmente é o desafio da platina deste jogo: o modo Raide. Depois de completar a campanha pelo menos uma vez, você já terá todas as fases deste modo liberado e pode começar o sofrimento. Basicamente neste modo você vai passar pelos menos cenários da campanha, porém com inimigos diferenciados dependendo da dificuldade em que estiver jogando e você também terá um sistema de nível, onde você precisa terminar os cenários completando certos desafios para conseguir EXP e ir evoluindo. Além disso, você também conseguirá várias armas (estas também possuem nível), melhorias na loja, partes para serem equipadas nas armas, etc. Para fazer tudo que o jogo exige para a platina neste modo, com certeza você gastará no mínimo 50h, a não ser que você sempre jogue em multiplayer com alguém (apenas um troféu te obriga a jogar online com outra pessoa, mas acredito que o tempo para a platina pode diminuir até pela metade se estiver com um parceiro de boost fixo). O modo online não está tão morto quanto eu pensei que estivesse, então para os que ainda querem se aventurar neste jogo, ainda dá pra achar uma galera jogando pra ajudar em algumas partes que estiverem muito difíceis de fazer sozinho, pois a dificuldade Abismo com certeza vai fazer você ter que farmar alguns níveis acima do indicado pra conseguir solar certas fases. O modo é muito divertido, então mesmo exigindo muito tempo, acaba não sendo tão enjoativo. Uma platina que com certeza dá uma grande satisfação quando pipoca na tela, agora é continuar platinando os outros para ter a badge da série no portal, ainda faltam quatro jogos! Nota Pessoal: 8/10
  3. Valiant Hearts: The Great War Esse é um jogo que todos deveriam jogar. Ele possui uma história muito profunda e com uma carga emocional forte (sim eu chorei no final ) e que, diferente da maioria dos jogos que se passam em guerra hoje em dia, mostra que a guerra não é divertida, e sim que ela é feita por seres-humanos, cada com uma história e uma vida, muitas vezes esta que tem seu fim em um campo de batalha e acaba deixando muitas coisas para trás. A jogabilidade é bem simples, basicamente você só precisa resolver enigmas para prosseguir nas fases, mas de uma maneira bem divertida e envolvente. O 100% é bem tranquilo, já que o jogo possui seleção de capítulos e os coletáveis são bem fáceis de serem encontrados, dá pra pegar tudo sem necessidade de um guia. Enfim, um jogo simples e muito bem feito, com uma das melhores histórias mais emocionantes que já vi em um jogo.
  4. #71 - Blasphemous Mais um metroidvania para a coleção de platinas! Esse com certeza está entre os melhores desse gênero que joguei recentemente, ficando atrás apenas de Hollow Knight. O jogo tem uma pixel art muito bem feita, os comandos são bem fluidos e o level design e temática são fantásticos! Como todo metroidvania, a primeira vez que jogamos ficamos meio perdidos sem saber qual mapa visitar primeiro e o tempo de gameplay acaba sendo um pouco alto, mas depois se repetimos a jogatina o tempo acaba caindo pela metade. Diferente da maioria dos jogos desse estilo, aqui você não vai liberar habilidades para o personagem acessar novas áreas (nada de pulo duplo!), mas conseguirá relíquias que mudam algumas coisas nos mapas que te darão os acessos necessários. Todas estas relíquias são opcionais, você conseguirá zerar o jogo sem pegar nenhuma delas se quiser, mas não conseguirá a maioria das magias e acessórios que valem a pena, o que dificultará bastante sua vida. Para a platina é necessária pelo menos uma jogada completa e uns 75% da segunda. Na primeira, o objetivo será completar o 100% do jogo e completar uma quest específica do jeito bom (esse é o único fator que pode impedir seu 100% caso a quest seja feita do jeito ruim, pois assim você não ganhará uma das preces necessárias para o 100% e terá que pegar em outra jogada), e na segunda serão feitos os troféu de speedrun até a metade do jogo e de fazer com que dois NPC's se encontrem em um ponto específico do mapa. Um outro fator que é bom observar é que, caso você faça os pré-requisitos para o final A, você bloqueia o final B, portanto é bom zerar o jogo com o final B, e então voltar do último checkpoint antes do chefe final e fazer o que falta para conseguir os dois finais na mesma jogada. O jogo em si possui uma dificuldade bem equilibrada e um conteúdo bom, apesar de não ser tão comprido. Para os que adoram metroidvania assim como eu, com certeza vale a pena ter essa platina! Nota Pessoal: 9/10
  5. Caramba parece que vai se bem legal! Slain: Back From Hell é muito bom e só por saber que a mesma equipe está por trás deste, já vale a pena dar uma chance. Se a platina for difícil igual a do S:BFH, vai dar bastante trabalho.
  6. #70 - Dragon Age: Inquisiiton Minha primeira experiência na franquia. O fato de ter ganhado o GOTY em 2014 já resume muito do jogo, basicamente é um excelente RPG ocidental, com um mundo imenso a ser explorado, infinitas missões a serem completadas, ambientação ótima, gráficos muito bonitos que impressionam até hoje, várias opções de escolha que determinam o final da campanha, enfim, tudo que um bom RPG deve ter. O sistema de batalha dele assusta no começo, parece ser algo bem complexo já que podemos controlar quatro personagens simultaneamente e existe um modo tático durante os combates que pausa o tempo para você bolar uma estratégia de acordo com os tipos de inimigos que estiver enfrentando, mas é uma ferramenta totalmente opcional que pode ser ignorada durante todo o jogo para os que não quiserem fazer uso dela nos combates. Quanto aos troféus, muitos exigem bastante atenção, pois podem ser perdidos se você terminar a última missão da campanha (apesar de você ainda conseguir andar livremente pelo mundo após terminar a história, você não conseguirá mais, por exemplo, aumentar sua reputação com NPC's ou se relacionar com eles caso não tenha feito isso antes). Como o jogo não possui NG+, qualquer troféu perdido exigirá uma nova jogada do início com outro personagem para que possa ser adquirido, portanto é indicado seguir um guia para saber pelo menos em quais momentos criar um save à parte para evitar dores de cabeça. Uma outra questão é que existe um troféu que exige que o jogo seja terminado na maior dificuldade, a "Pesadelo", então dependendo das suas habilidades em jogos desse tipo, talvez seja bom dividir a caça dos troféus em duas jogadas, apesar de não ser tão difícil caso você sempre deixe seu personagem em níveis acima dos indicados pelas missões principais. Esse é um daqueles jogos que merece ser degustado ao máximo. Se você gosta de RPG's e explora ao máximo os mapas e completa todas as missões que pode, provavelmente não terá problemas com a platina. E para os que buscam o 100%, as DLC's são muito boas também, além de uma delas, a "Trespasser", contar eventos depois da campnha principal do jogo base e dar um final melhor para a história e seus personagens. Nota Pessoal: 10/10
  7. Que venha! Queria muito uma continuação de AK. Apesar de ter gostado muito do desfecho da história, muitas coisas ficaram em aberto e ainda poderiam ser exploradas neste universo que eles montaram na franquia.
  8. De todos os jogos Soulslike mais conhecidos até hoje só não joguei The Surge mesmo, está na minha fila. Se eu curtir (o que provavelmente vai acontecer já que adoro o gênero) em breve pegarei o segundo. Bom que até lá o preço pode dar uma descida.
  9. Recentemente platinei MHW, então vou dar um bom tempo antes de me aventurar nessa DLC, peguei trauma de farmar essas benditas coroas.
  10. Parabéns pela platina cara! To com ele parado faz algum tempo porque tava dando muito lag lá em casa, e como eu tava lo lvl 87 tava passando raiva por morrer e perder 10% de exp kkkkkkkk, muito sofrimento pra upar nesses níveis. Vou ver se consigo platinar ele no mês que vem, sabe se a liga Legion ainda está ativa ou já entrou outra? Realmente no Standard os itens são mais caros, apesar de já estar com minha build feita, to com medo de nerfarem algum item ou classe que acabe me prejudicando e eu tenha que começar outro personagem.
  11. Tirando o 11-11 Memories Retold, peguei os outros dois kkkkkkkk. Tava esperando uma promoção boa pra pegar eles e a hora chegou, pois os primeiros jogos dessas franquias são muito bons. Pena o Remnant: From the Ashes não ter entrado nessa promoção, mesmo ele sendo recente tava torcendo pra ele ficar em um preço melhor pra eu comprar e jogar nas minhas férias.
  12. Kkkkkkkkk eu costumo dar um tempo entre as platinas de jogos desse tipo, eu gosto muito de RPG's em geral, porém esses de mundo aberto enormes não dá pra jogar vários seguidos, é bom dar uma variada. Talvez tenha sido por isso que você desanimou quando começou, mas dê outra chance quando quiser jogar um RPG gigante de nvoo que vale a pena, a história é muito boa e os personagens são bem cativantes.
  13. Dragon Age Inquisition ta por um preço ótimo, pra quem quer um excelente RPG e com bastante conteúdo e mundo aberto, vale a pena!
×
×
  • Criar Novo...