Ir para conteúdo


Foto

[PS3] Qual foi sua "Última Platina"...?!?


  • Por favor, faça o login para responder
12137 respostas neste tópico

#12121 talespagni

Postado 20 novembro 2018 - 17:50

Platina # 117 - Asura's Wrath (platina + 100%)

 

Asuras-Wrath-feature-672x372.jpg

 

Certamente um dos jogos mais subestimados do PS3, e bastante destoante do que (pelo menos eu) estamos acostumados a jogar, temos aqui um game de ação que envolve porradaria e tiro em 3a pessoa, QTEs e cutscenes adoidadas.

 

Acompanhamos a trajetória de Asura, um general semideus ultra-poderoso das forças do bem (sempre elas!) que, juntamente com seus outros amigos de trabalho, reúnem-se em prol de brecar os avanços dos temíveis "Goma", uma espécie de bicharada que é nojenta e fica eternamente enchendo o saco dos humanos lá no planeta (Terra?) em questão.

 

Por um viés do roteiro, Asura é traído por seus amigos (?), e então, neste jogo, temos a trajetória do mesmo em busca de vingança contra este bando de filhos da mãe. É basicamente isso, o resto é pretexto pra meter a porrada em zilhões de inimigos, voar, se superar a cada instante, ser derrotado pra logo depois ressurgir novamente mais forte, e por aí vai.

 

Em termos de valores de produção, o jogo poderia ser melhor polido na questão da jogabilidade nos momentos de ação, nos passando a impressão de que o sistema de combos é relativamente precário e insuficiente. Porém, a grandiosa trilha sonora, o fantástico enredo (cheio de reviravoltas) e as belíssimas cutscenes mais que suprem este defeito.

 

Infelizmente, o jogo ficou conhecido na época por não ter exatamente um final digno; quer dizer, foi apresentado um final, mas quem quisesse assistir o verdadeiro final, teria que comprar uma DLC. Esta, por sua vez, é excelente, apresentando 4 capítulos aos 19 já oriundos do modo campanha, e nos trazendo uma luta final absolutamente fandárdiga contra o "true boss" do jogo.

 

Há, também, uma outra DLC, bastante dispensável, em que a Capcom (sempre com suas ideias mirabolantes!) coloca Ruy e Akuma no balaio, fazendo da história uma bagunça, aliada ao fato de se alterar a jogabilidade para o estilo "Street Fighter".

 

Em termos de troféus, esta é uma platina (e um 100%, sobretudo) que requerem paciência e dedicação: é necessário zerar o jogo seis vezes, além de obter os temíveis "rank S" em todas as fases das dificuldades normal e difícil (e estes troféus não se sobrepõem!); o mesmo é pedido para a DLC da história, e as DLCs com Ruy e Akuma possuem "challenges" bem chatos, os quais me fizeram encostar o jogo por um bom tempo também.

 

Ademais, temos aqui um jogo no melhor estilo "japa raio laser" que muitos amam, e que certamente trará bons momentos de diversão aos interessados.

 

Nota do jogo: 7/10

Dificuldade do 100%: 6/10

Tempo pro 100%: 40 horas


talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12122 talespagni

Postado 21 novembro 2018 - 18:29

Platina # 118 - Remember Me

 

Remember-Me_02-06.jpg

 

Um jogo que certamente passou batido por muitos fãs de videogame, "Remember Me" acompanha a jornada de uma cyber hacker (existe termo mais "cult" que este?) através de um mundo futurístico, onde lembranças e memórias tornaram-se commodities e possuem valor de mercado como bens de consumo.

 

Mesclando jogabilidade em 3a pessoa com um sistema de golpes e combos ao melhor estilo da série "Batman: Arkham", com pitadas de plataforma e quebra-cabeças, temos aqui um produto cujos valores de produção são ligeiramente acima da média para um jogo do gênero. A ambientação, jogabilidade e trilha sonora, sobretudo, são bons destaques.

 

A história, por sua vez, começa promissora e ao longo do tempo vai se fechando cada vez mais, tendo sua eficácia reduzida do meio pro fim da obra. Os combos aparentemente são bonitos e com animações bacanas, porém difíceis de se encaixar, já que se você, no meio de um punhado de inimigos, golpear um e depois outro, perde a contagem mostrada na tela, precisando atacar sempre o mesmo para que esta continue; tal decisão de design realmente pesa contra a eficácia do sistema do jogo.

 

Os remixes de memória, grande chamariz do game, também são interessantes e curiosos, porém aparecem em pouquíssimas ocasiões durante a história. E a duração da campanha, por fim, também poderia ser melhor explorada.

 

A platina tem uma dificuldade média para os jogos deste padrão, sendo necessário se fechar a história na dificuldade mais alta, buscar o alto número de coletáveis, e executar combos e demais troféus aleatórios de eliminações de inimigos com determinadas habilidades. Nada muito destoante do gênero, enfim.

 

Nota do jogo: 6/10

Dificuldade da platina: 4/10

Tempo da platina: 20 horas


Editado por talespagni, 21 novembro 2018 - 18:33.

talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12123 talespagni

Postado 21 novembro 2018 - 20:59

Platina # 119 - Syndicate

 

syndicate-demo-footage.jpg

 

Nesta nova aventura, Lula e seus amig... peraí, resenha errada.

 

Temos aqui um FPS com toques de ficção científica e cenários e enredo cyberpunk, cujo enredo se passa numa sociedade futurística em que as corporações praticamente engoliram o sistema financeiro e monetário mundial, unificando os países em conglomerados em que, cada qual à sua maneira, defendem seus interesses comerciais e econômicos através de espionagem industrial e trapaças afim. Controlamos um agente de um destes conglomerados, que se vê à volta de uma conspiração envolvendo traições e reviravoltas, ao melhor estilo de filmes do gênero, como "Blade Runner".

 

Em termos de valores de produção, o jogo tem uma qualidade ligeiramente acima da média, com uma boa jogabilidade para um FPS, aliado ao "poder" que seu personagem possui, que é usar um chip implantado em seu córtex para hackear tudo que é passível de tal ação; por exemplo, com o simples toque de um botão você pode influenciar inimigos a se matarem, ou atacarem uns aos outros, e também fazer com que turretas e outros dispositivos eletrônicos se voltem contra eles. Tal diferenciação é realmente um ponto alto do jogo.

 

O enredo, a trilha sonora e demais congêneres também tem um bom degrau de qualidade, nunca deixando a peteca cair ao longo da campanha que, se possui uma duração curta, não tem encheção de linguiça e vários momentos legais.

 

O jogo também possui um modo coop, bem divertido por sinal, e que pode ser compartilhado com até mais três amigos, ao longo de diversas fases em que o tiroteio (e o hackeamento) corre solto, e a bala mastiga os crânios da bandidagem. Tal modo oferece uma certa dificuldade à platina, pois envolve diversos troféus de grind e determinado desafio que requerem um grupo bem azeitado para se dispor à enfrentá-los.

 

No restante da platina, o modo campanha tem a mesma lista de praxe de jogos do gênero, sendo preciso fechar a campanha na dificuldade mais alta, encontrar os coletáveis e tra lá lá. É curioso, por sinal, o fato do jogo ter um PDM altíssimo no portal, fato que não se justifica em nenhum momento ao longo da lista para a platina.

 

Finalmente, encontra-se aqui um divertido, frenético e bacanudo FPS, que certamente pouquíssima gente ouviu falar. Recomendo aos fãs do(s) gênero(s) citados.

 

Nota do jogo: 6/10

Dificuldade da platina: 6/10

Tempo pra platina: 50 horas


Editado por talespagni, 21 novembro 2018 - 21:05.

talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12124 Oliveira070797

Postado 21 novembro 2018 - 21:18

Platina # 119 - Syndicate

 

 

Platina # 118 - Remember Me

 

 

Platina # 117 - Asura's Wrath (platina + 100%

 

Tales tá fritando nas platinas!

Ainda bem que os posts tem mais de 3 linhas porque senão eu ia reclamar :face2:

Sempre quis jogar esse Asura's Wrath.

Parabéns pelas platinas!


ezgif_5_dbd0be5341.gif

 

Oliveira070797.png


#12125 crirferpedro

Postado 21 novembro 2018 - 21:23

Platina # 119 - Syndicate

syndicate-demo-footage.jpg

Nesta nova aventura, Lula e seus amig... peraí, resenha errada.

Temos aqui um FPS com toques de ficção científica e cenários e enredo cyberpunk, cujo enredo se passa numa sociedade futurística em que as corporações praticamente engoliram o sistema financeiro e monetário mundial, unificando os países em conglomerados em que, cada qual à sua maneira, defendem seus interesses comerciais e econômicos através de espionagem industrial e trapaças afim. Controlamos um agente de um destes conglomerados, que se vê à volta de uma conspiração envolvendo traições e reviravoltas, ao melhor estilo de filmes do gênero, como "Blade Runner".

Em termos de valores de produção, o jogo tem uma qualidade ligeiramente acima da média, com uma boa jogabilidade para um FPS, aliado ao "poder" que seu personagem possui, que é usar um chip implantado em seu córtex para hackear tudo que é passível de tal ação; por exemplo, com o simples toque de um botão você pode influenciar inimigos a se matarem, ou atacarem uns aos outros, e também fazer com que turretas e outros dispositivos eletrônicos se voltem contra eles. Tal diferenciação é realmente um ponto alto do jogo.

O enredo, a trilha sonora e demais congêneres também tem um bom degrau de qualidade, nunca deixando a peteca cair ao longo da campanha que, se possui uma duração curta, não tem encheção de linguiça e vários momentos legais.

O jogo também possui um modo coop, bem divertido por sinal, e que pode ser compartilhado com até mais três amigos, ao longo de diversas fases em que o tiroteio (e o hackeamento) corre solto, e a bala mastiga os crânios da bandidagem. Tal modo oferece uma certa dificuldade à platina, pois envolve diversos troféus de grind e determinado desafio que requerem um grupo bem azeitado para se dispor à enfrentá-los.

No restante da platina, o modo campanha tem a mesma lista de praxe de jogos do gênero, sendo preciso fechar a campanha na dificuldade mais alta, encontrar os coletáveis e tra lá lá. É curioso, por sinal, o fato do jogo ter um PDM altíssimo no portal, fato que não se justifica em nenhum momento ao longo da lista para a platina.

Finalmente, encontra-se aqui um divertido, frenético e bacanudo FPS, que certamente pouquíssima gente ouviu falar. Recomendo aos fãs do(s) gênero(s) citados.

Nota do jogo: 6/10
Dificuldade da platina: 6/10
Tempo pra platina: 50 horas

Já vi essa descrição no Wikipedia kkkkkkkkkkkk, zoeira parabéns pela descrição da jogatina/platina.

#12126 talespagni

Postado 21 novembro 2018 - 21:47

Tales tá fritando nas platinas!

Ainda bem que os posts tem mais de 3 linhas porque senão eu ia reclamar :face2:

Sempre quis jogar esse Asura's Wrath.

Parabéns pelas platinas!

 

Fritando no dancefloor, caraio! :dorgas:

 

Eu costumava escrever com mais frequência antes de você frequentar o fórum, mas neste ano deixei acumular muitas resenhas; foi praticamente o que platinei no ano inteiro isto que postei nos últimos dias.

 

Não platinei tanta coisa neste ano, acho que foram menos de 30.

 

Experimente o Asura's, acho que pelo tipo de jogo que comenta por aí, você vai gostar, é bem o seu estilo.

 

Obrigado, e deixe seus likes! #mendigosdelikes

 

Já vi essa descrição no Wikipedia kkkkkkkkkkkk, zoeira parabéns pela descrição da jogatina/platina.

 

giphy.gif

 

:legal:


talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12127 Oliveira070797

Postado 21 novembro 2018 - 22:27

Fritando no dancefloor, caraio! :dorgas:

 

Eu costumava escrever com mais frequência antes de você frequentar o fórum, mas neste ano deixei acumular muitas resenhas; foi praticamente o que platinei no ano inteiro isto que postei nos últimos dias.

 

Não platinei tanta coisa neste ano, acho que foram menos de 30.

 

Experimente o Asura's, acho que pelo tipo de jogo que comenta por aí, você vai gostar, é bem o seu estilo.

 

Obrigado, e deixe seus likes! #mendigosdelikes

 

É verdade! Fritando nas platinas bem antes de eu nascer :hihi:

Like depositado!
 


ezgif_5_dbd0be5341.gif

 

Oliveira070797.png


#12128 kabanas22

  • Nome:Ruan Raul

Postado 22 novembro 2018 - 10:51

Platina # 119 - Syndicate

Esse COOP é off ou on ou pode ser feito em qualquer um dos dois?

 

se tiver como ser OFF é possível fazer com 2 controles e um deles parado ou tem que ter alguem jogando do lado t ajudando?



#12129 talespagni

Postado 22 novembro 2018 - 11:43

Esse COOP é off ou on ou pode ser feito em qualquer um dos dois?

 

se tiver como ser OFF é possível fazer com 2 controles e um deles parado ou tem que ter alguem jogando do lado t ajudando?

 

Toda a parte do coop é troféu online, pois precisa estar conectado ao servidor. Não há coop offline (splitscreen).

 

Pode ser feito praticamente tudo sozinho, porém tem um troféu que pede pra você completar algumas challenges, e entre elas estão as de reviver companheiros, etc. Então precisa de pelo menos 1 pessoa jogando junto contigo.

 

Mas o coop sozinho é bem difícil também, eu diria até que impossível, pois há troféus de se fechar os mapas na dificuldade mais alta, e pra ir em 4 pessoas neles já é um sufoco, imagina sozinho então.


talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12130 Victor-UrK

Postado 22 novembro 2018 - 13:42

 

 

 

Já esta na hora de um novo cargo ser criado no MYPST, o Analista de Platinas,  :face8:  

 

Uma review melhor q a outra!


Victor-UrK.png

Victor-UrK-jogo.png

 

RECOMENDAÇÃO

 

Platinas :platinum: 100%  :psn: 

Spoiler

#12131 talespagni

Postado 22 novembro 2018 - 21:17

Já esta na hora de um novo cargo ser criado no MYPST, o Analista de Platinas,  :face8:  

 

Uma review melhor q a outra!

 

Puxa-saco!
 


talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12132 jon86rodriguez

Postado 23 novembro 2018 - 09:24

full-trophy_0.png

 

Syndicate

 

 

 

 

 

Temos aqui um FPS com toques de ficção científica e cenários e enredo cyberpunk, cujo enredo se passa numa sociedade futurística em que as corporações praticamente engoliram o sistema financeiro e monetário mundial, unificando os países em conglomerados em que, cada qual à sua maneira, defendem seus interesses comerciais e econômicos através de espionagem industrial e trapaças afim. Controlamos um agente de um destes conglomerados, que se vê à volta de uma conspiração envolvendo traições e reviravoltas, ao melhor estilo de filmes do gênero, como "Blade Runner".

 

Em termos de valores de produção, o jogo tem uma qualidade ligeiramente acima da média, com uma boa jogabilidade para um FPS, aliado ao "poder" que seu personagem possui, que é usar um chip implantado em seu córtex para hackear tudo que é passível de tal ação; por exemplo, com o simples toque de um botão você pode influenciar inimigos a se matarem, ou atacarem uns aos outros, e também fazer com que turretas e outros dispositivos eletrônicos se voltem contra eles. Tal diferenciação é realmente um ponto alto do jogo.

 

O enredo, a trilha sonora e demais congêneres também tem um bom degrau de qualidade, nunca deixando a peteca cair ao longo da campanha que, se possui uma duração curta, não tem encheção de linguiça e vários momentos legais.

 

O jogo também possui um modo coop, bem divertido por sinal, e que pode ser compartilhado com até mais três amigos, ao longo de diversas fases em que o tiroteio (e o hackeamento) corre solto, e a bala mastiga os crânios da bandidagem. Tal modo oferece uma certa dificuldade à platina, pois envolve diversos troféus de grind e determinado desafio que requerem um grupo bem azeitado para se dispor à enfrentá-los.

 

No restante da platina, o modo campanha tem a mesma lista de praxe de jogos do gênero, sendo preciso fechar a campanha na dificuldade mais alta, encontrar os coletáveis e tra lá lá. É curioso, por sinal, o fato do jogo ter um PDM altíssimo no portal, fato que não se justifica em nenhum momento ao longo da lista para a platina.

 

Finalmente, encontra-se aqui um divertido, frenético e bacanudo FPS, que certamente pouquíssima gente ouviu falar. Recomendo aos fãs do(s) gênero(s) citados.

 

Nota do jogo: 6/10

Dificuldade da platina: 6/10

Tempo pra platina: 50 horas

 

FONTE: Tales of Pagni

 

 



#12133 edhunter10

  •  brn.iron
  • Nome:Eddie The Head

Postado 25 novembro 2018 - 22:12

Platina #244 - Tekken Tag Tournament 2 - :platinum: All Hail, Tekken Incarnate!

 

full-trophy_0.png

 

Tekken é o meu segundo jogo de luta favorito. Tekken Tag se difere dos demais da saga justamente em relação as lutas em duplas, o que também proporciona alguns golpes a mais em dupla, como assistências e combos. Faltou um modo história, por exemplo, igualmente nos Tekken 5 e 6. Em relação à platina, bem tranquila. Gira em torno de 20 horas.
 
O troféu mais difícil é o de alcançar ranking Tekken Lord. Fiz umas 300 vitórias nas Ghost Battles para chegar em tal ranking. Ainda bem que existe um método bem apelativo, do qual você utiliza um ataque à distância da Angel. Se não fosse por isso, eu teria muitas dores de cabeça pra platinar o jogo, já que sempre fui sofrível em jogos de luta, apesar de gostar bastante.
 
Modo online é bem rápido. Basicamente, é necessário alcançar o ranking 1st Dan, do qual são necessários umas 10 vitórias ranqueadas. Agradeço o LeandroRevil pelo boostzin maroto.

Editado por edhunter10, 29 novembro 2018 - 12:04.


#12134 edhunter10

  •  brn.iron
  • Nome:Eddie The Head

Postado 25 novembro 2018 - 22:35

Platina #245 - F1 2013 - :platinum: The Passion of FORMULA ONE

 

1L91a19e.png

 

Tanto o jogo quanto a platina seguem a mesma receita de bolo dos demais jogos F1 de PS3. Como já joguei as outras versões e, consequentemente, realizei várias vezes as mesmas coisas que a série oferece, logo tudo foi bem tranquilo. Entretanto, de certa forma, não deixa de ser uma platina difícil, principalmente os modos Time Attack e Scenario, nos quais é necessário obter medalha de ouro. Agradeço o FelipeLaraJK pelo boost.



#12135 jon86rodriguez

Postado 26 novembro 2018 - 08:13

 

Platina #245 - F1 2013 - :platinum: The Passion of FORMULA ONE

 

1L91a19e.png

 

Tanto o jogo quanto a platina seguem a mesma receita de bolo dos demais jogos F1 de PS3. Como já joguei as outras versões e, consequentemente, realizei várias vezes as mesmas coisas que a série oferece, logo tudo foi bem tranquilo. Entretanto, de certa forma, não deixa de ser uma platina difícil, principalmente os modos Time Attack e Scenario, nos quais é necessário obter medalha de ouro. Agradeço o FelipeLaraJK pelo boost.

 

 

Boa parabéns

 

realmente os F1 são bem complicados de platinar

 

peguei o 2011 do psvita achando que ia ser molezinha (pelo menos é o que o pessoal disse) e me deparei com os trials de tempo que são bem difíceis de bater kkk

 

quem sabe um dia volto



#12136 kabanas22

  • Nome:Ruan Raul

Postado 29 novembro 2018 - 11:17

#313geral
#145ps3

 

Shadows Of The Damned 
full-trophy_0.png

 
Sobre o jogo:

Spoiler
  
O jogo é bacana, faltou uma legenda PT pra conseguir entender 100% da história... porém com legendas em inglês consegui entender razoavelmente a história do jogo que é beeeem viajante diga-se de passagem rsrsrs
 
Platina não é tão rápido por conta da obrigação de zerar 3x o jogo pois infelizmente zerando na maior dificuldade não libera os outros troféus. E pra piorar NÃO é possível pular as cutscenes / CG, na primeira jogatina OK, blz, não iria pular mesmo as cenas porém para as duas próximas jogadas não teve jeito, tive que assistir tudo novamente e certamente perdi muito tempo. 
Somando as horas das minhas 3 jogatinas deu em torno de 25 horas. Isso pq não apertada PAUSE quando ia no banheiro, quando fui almoçar e afins... O velocista é fácil fácil de ser batido, se tiver tempo suficiente pra jogar direto, acredito que o velocista saí por beeem menos de 20 horas.
 
Troféus perdíveis do jogo é praticamente todos relacionado a 'mortes x arma'... com isso após a primeira zerada (Hard) só me restava 4 troféus, 2 sobre zerar em outras dificuldades e outros 2 perdíveis que ambos fiz na segunda jogada.
 
Aproveitei o glitch e obtive TODAS as Red Gems logo no começo do jogo, assim foi possível fazer upgrade em todos as minhas habilidades possíveis e assim a primeira jogada já no hard foi bem sossegado.



#12137 edhunter10

  •  brn.iron
  • Nome:Eddie The Head

Postado 02 dezembro 2018 - 23:07

Platina #246 - Quantum Theory - :platinum: Destruction Incarnate

 

full-trophy_0.png

 

Jogo fraco. Fim!
 
Pelo menos esta é a análise que faz juz ao jogo.
 
Aprofundando mais um pouco, vamos lá:
 
- História não é das piores, mas é um desânimo total. Personagens sem carisma nenhum. 
- Mecânica do jogo é bem falha: movimentação, mira automática, câmera, controles, ...
- Alguns checkpoints são mal distribuídos. Mesmo na dificuldade Easy, existem algumas partes chatas, partes estas que existem tais checkpoints, chegando a 15 minutos sem salvar o jogo.
- Possui uma boa variedade de armas, apesar de nem todas serem boas pra jogar, e também não existe granada.
- Pouca variedade de inimigos. Os chefões, por sua vez, até que são legais.
- Repetição absurda de cenários, uma vez que entramos na torre. Temos que jogar nela até o topo, onde o clímax da história acontece.
 
Em relação à platina, um pouco difícil, principalmente por parte da campanha, em completar algumas batalhas contra chefes em determinado tempo na dificuldade Hard. Os troféus online, por sua vez, são apenas demorados. Basicamente, é necessário alcançar 1 milhão de experiência. São necessários 8 pessoas para dois troféus, além de 6 pessoas para os demais.
 
E ainda por cima, por algum motivo inexplicável, minha experiência não estava sendo contabilizada para o ranking. Depois de vários testes para descobrir onde estava o problema, cheguei à conclusão de que era alguma incompatibilidade com a minha internet para com o jogo. O problema se resolveu uma vez que houve manutenção repentina por parte da minha operadora.
 
O que valeu mesmo foi ter finalizado mais um jogo online, além das resenhas e zoeiras no Skype com a galera, como forma de passatempo, nas incontáveis vezes em que levávamos o boneco pra morrer. Agradeço a turminha do mal (mais um boost com eles): GustavoKingGame, FelipeLaraJK, Destruir999999 e josantanna.


#12138 edhunter10

  •  brn.iron
  • Nome:Eddie The Head

Postado 04 dezembro 2018 - 15:36

Platina #247 - Soul Calibur II HD Online - :platinum: Tale of Sword and Soul

 

full-trophy_0.png

 

Basicamente, o jogo se resume ao modo Weapon Master, uma espécie de modo campanha. A princípio parece que é rápido, mas na verdade é bem demorado, cansativo e enjoativo. Pra cada fase o jogo impõe certas condições a serem cumpridas. Algumas são fáceis, mas outras são totalmente sem noção. Na reta final ainda tem que finalizar as dungeons com mais de 20 lutas, fora que é necessário zerar duas vezes.
 
Pensei que seria fácil, ainda mais analisando pela porcentagem alta das pessoas que platinaram o jogo, mas a verdade é que nenhum jogo de luta é fácil pra mim. De qualquer forma, está aí. Mais uma platina suada.





1 usuário(s) está(ão) lendo este tópico

0 membros, 1 visitantes, 0 membros anônimos