Ir para conteúdo


Foto

[PS3] Qual foi sua "Última Platina"...?!?


  • Por favor, faça o login para responder
12229 respostas neste tópico

#12101 LucasIIGD

  •  lucas_bast@hotmail.com
  • Nome:Lucas...XD

Postado 05 novembro 2018 - 08:28

full-trophy_0.png

Platina #113 - Zombie Driver HD


Wow que joguinho bacana, achei que seria uma garapinha pra relaxar, que nada, quebrei a cara, depois de finalizar o modo História (que é muito podre de ruim, por sinal) achei que seria um passeio no parque platinar, ledo engano, o modo Blood Race é um verdadeiro inferno, comecei bem ganhando alguns torneios, hora que chegou no Zombie Tournament, PQP, o jogo mostrou todas as suas garras e num primeiro momento fiquei assustado, achei que não ia conseguir.

Era que nem o edhunter10 comentou no F1 Race Stars, a IA está ali exclusivamente para te ferrar, e ela não suporta te ver na frente, por mais que você corra e adquira vantagem, ela dá um jeito de te buscar e com a melhor arma te ferrar lindo, de forma que você vai pra ultima posição em instantes. O modo Elimination é outra desgraça, é quase impossível destruir a quantidade de carros exigidas pela medalha de ouro. Apesar da raiva que passei, eu aprendi que em jogos difíceis você deve parar de jogar um pouco e voltar, segui meu próprio conselho e com mais calma consegui tudo.

Os comandos e a jogabilidade são muito bons e depois que equipa os carros as coisas ficaram mais fáceis. No modo Slaughter achei que seria difícil, mas depois que peguei a manha de usar o turbo, os troféus vieram até com certa facilidade. Apesar da minha dificuldade em platinar o game, o jogo é muito bom e cumpre bem o seu papel. Só não jogue ele, pensando que é garapa, porque você vai se estrepar...XD.

EDIT: Só um detalhe importante, tive que jogar o jogo offline, pois online tava travando que era uma maravilha.

Agora eu encerro o ciclo do PS3, voltarei a jogar no PS4 de maneira mais ativa, renovarei a plus em breve. PS$ aí vou eu !!!

LucasIIGD.png

<< RECOMENDAÇÕES >>


METAS 2019
Spoiler

GUIAS DE TROFÉUS

#12102 kabanas22

  • Nome:Ruan Raul

Postado 05 novembro 2018 - 10:59

*
POPULAR

#311geral

#143ps3

 

 

God of War: Ascension

full-trophy_0.png

 

 

 

Iniciei o jogo a uns 4 anos trás e nem lembro pq deixei ele de lado. Agora querendo queimar o máximo de games de PS3 antes de comprar outro PS4 não poderia deixar este game pelas metade.
 
Jogo o jogo / platina:
 
Disparado o jogo da séria mais fácil de se platinar. Este aqui NÃO tem os temidos challanges. E o único troféu online do jogo é precisa apenas jogar o tutorial online que o troféu é seu. 
É preciso zerar o jogo apenas 1x, caso inicie logo de cara na dificuldade "Difícil". E como nos outros GoW este também tem os coletáveis que faz aumentar sua barra de vida e de poder e consequentemente vc vai morrer bem menos / ter menos dificuldades
 
Jogo todo em PTBR, não só legendas mas sim áudio. E gostei do que ouvi
 
Acredito que todos que estão jogando PS3 já tenha jogado este game. Mas caso tenha alguém que ainda não encarou, vai fundo. É possível platinar em menos de 10h. 
Minha jogativa foi aproximadamente 20 horas até zerar o game, isso pq estava acompanhando a história e lendo os bilhetes que achava durante o campanha (e dei uma mini farmada nos orbs vermelho numa pedra lá, mesmo local da dica do troféu 1000hits do guia). Tive que voltar apenas um capítulo para obter o único troféu perdível que ficou para tras. 

Editado por kabanas22, 05 novembro 2018 - 11:00.


#12103 STARBLAC

Postado 06 novembro 2018 - 15:55

full-trophy_0.png

66# Rogue Warrior - Platinum

 

Um Fps que eu havia iniciado em 2012 e só fiz os troféus online agora kkk (por enquanto eu possuo a tartaruga com 2178 dias),

O jogo possui como protagonista Dick Marcinko fundador e ex-comandante do SEAL Team Six e da Red Cell, porem o enredo do jogo não se baseia na biografia do ex-fuzileiro, mas sim consiste em uma historia fictícia que envolve uma missão na coreia do norte.

 

Os troféus são bastante simples tanto os da campanha que é bem curta como os onlines que atualmente exigem ser feitos em boost já que o servidor esta deserto, os troféus online necessitam de no minimo cinco jogadores para um troféu, quatro para três troféus, e o restante pode ser feito em dupla.

 

É basicamente um jogo que pode agradar quem gosta do gênero. Além disso agradeço a todo pessoal do boost.


STARBLAC.png

STARBLAC-jogo.png


Spoiler

#12104 kabanas22

  • Nome:Ruan Raul

Postado 06 novembro 2018 - 16:34

quem esta jogando games de ps3 nesses dias de hoje da pra desanimar com estes jogos com troféus online... certamente com servidor deserto e mais complicado em conseguir pessoal pra boost, principalmente se precisa de 3 ou mais 



#12105 hyuga_91

Postado 06 novembro 2018 - 18:30

Nao lembro se postei aqui, mas platinei dark souls 2, o jogo é muito bom, achei muito legal armas com mais de uma função, tipo uma espada que também solta magias.

Perfil No Troca Jogo: Aqui | Recomendações: Aqui
Empréstimo: Aqui | Cansado Das Imagens Padrão De Usuário Do PS3? Aqui



hyuga_91.png



Participações no clube da luta :vava:

Spoiler

:platinum: E :psn100:

Spoiler

#12106 Cross_Arymura

Postado 08 novembro 2018 - 20:45

*
POPULAR

Platina #48 - Lollipop Chainsaw  :platinum: Legendary Zombie Hunter

full-trophy_0.png

 

Um hack 'n' slash bem legal e uma platina bem de boa de fazer, não tendo nenhum troféu complicado ou que precise de alguma atenção dobrada. Ele é carregado refenrecias, tanto nas musicas quanto em falas dos personagens, e com uma trilha sonora muito boa (indo de Joan Jett até DragonForce). Para os mais atrevidinhos a Juliet tem uma coleção de roupas pra desbloquear, o que pode agradar a galera mais onanista. kkkkk

No mais, vale a pena dar uma conferida.



#12107 STYLEZITOO

Postado 08 novembro 2018 - 22:52

Apenas minha quinta Platina, um jogo muito divertido de se jogar !! NY4xVIy.jpg


Stylezitoo.png

#12108 edhunter10

  •  brn.iron
  • Nome:Eddie The Head

Postado 10 novembro 2018 - 22:47

*
POPULAR

Platina #242 - Enslaved: Odyssey to the West - :platinum: Platinum Trophy

 

full-trophy_0.png

 

Bom jogo. A história realmente é o ponto forte deste jogo. Trip e Monkey aos poucos vão criando laços de amizade e fortalecendo cada vez mais. Bem bacana ver o andamento deste relacionamento, capítulo por capítulo. A expressão facial, principalmente por parte da Trip, é algo bem convincente ao ponto de conseguir transmitir o sentimento para o jogador. Eles também se completam durante a jornada: a força do Monkey e a habilidade robótica da Trip. 
 
Os cenários são bonitos, apesar de ser um jogo antigo. Trilha sonora muito boa e dublagem encaixou bem. Existem cenas engraçadas, sendo a maioria delas protagonizadas pelo Pigsy: um personagem que é introduzido no decorrer do jogo. Fica bem claro, também, a inspiração do jogo em relação ao Uncharted, nos vários momentos nos quais escalamos, no entanto, não tem como errar os pulos, uma vez que o jogo não deixa você pular errado. Algo que me incomodou foi a movimentação do Monkey, tanto ao andar quanto ao utilizar a nuvem, além da câmera em certas situações de batalha.
 
Em relação à platina, bem tranquila. O mais difícil é zerar na dificuldade Hard. Por falar nisto, o que eu mais tenho feito ultimamente é zerar os jogos em suas dificuldades maiores. O troféu de coletar todas as orbs é muito chato, fora isto, nada a reclamar.
 
Detalhe que existem várias referências a Dragon Ball. Quem conhece o anime, sabe do que estou falando.


#12109 talespagni

Postado 14 novembro 2018 - 15:05

Platina # 99 - Grand Theft Auto 4 (platina + 100%)

 

c97.jpg

 

 

Minha nossa, mais um GTA? Desta vez, adivinhem... a RockStar melhorou ainda mais a fórmula dos jogos de mundo aberto! Que surpresa, não?

 

Realmente não temos muito a acrescentar em termos do que já foi comentado nos reviews dos 3 jogos anteriores (todos citados no tópico correspondente na seção do PS4): é tudo muito bem feito, muito bem conduzido, muito engraçado e divertido. As inúmeras atividades apresentadas certamente dão um frescor necessário às explosivas missões da história, cada qual uma mais diferente da outra.

 

Em termos de pontos negativos, há de se citar a fraca jogabilidade de direção dos carros, que derrapam por qualquer motivo, impedindo você de atingir uma velocidade satisfatória quando anda pela cidade. Penso que foi uma tentativa de se oferecer uma direção menos arcade, o que foi posteriormente corrigido no próximo título da série. Além disso, temos também a câmera teimosa, que insiste em se auto-centralizar a todo momento, atrapalhando você de apontar para alguma direção em específico: por exemplo, ao se andar de carro e ver algo no cenário, você clica a câmera para lá, e ela quase que automaticamente volta ao seu caminho natural de mostrar somente o que está diretamente à sua frente.

 

Temos que levar em conta, também, que este é um jogo de 2008 (mas já?!), e que na época, mesmo apesar de todos os pesares, ele teve valores de produção altíssimos para o gênero, e também em comparação com seus similares de mundo aberto, que hoje empalidecem em retrospecto.

 

As DLCs são excelentes, entre as melhores do PS3: ambas são campanhas com boa duração, além de oferecer ainda mais atividades que aquelas do jogo principal. Uma ótima pedida para quem pretende alongar o tempo útil do jogo.

 

A platina (e o 100%, por sinal), são bem demorados: há troféus online que carecem de boost, e este é um dos piores do PS3 ao meu ver, tanto pelo lado da habilidade como pelo ângulo da repetição; e o modo campanha pede que você faça absolutamente tudo no jogo, é simplesmente o 100% mais difícil e demorado da série (já que no San Andreas não há este troféu, e no 5 o 100% não é verdadeiramente aquilo que é 100% existente no jogo); além disto, temos também outros troféus de coletáveis, atividades, matar inimigos de determinada forma e etc, o que já é lugar-comum na série, porém mesmo assim é algo vai tomar dezenas de horas do seu tempo.

 

Uma das DLCs, por sinal, também introduziu algo que se tornou padrão para os jogos posteriores da RockStar: fazer 100% dos requisitos de cada missão. E este troféu é dificílimo, já que alguns objetivos são bem específicos e pedem por um determinado grau de habilidade que vai tirar (ou já tirou) muita gente do sério.

 

Sobretudo, temos aqui um dos melhores jogos do PS3, uma verdadeira obra-prima.

 

Não gosto de linkar videos nos meus reviews, mas gostaria de deixar 3 aqui, provando como a série GTA é infinita na sua capacidade de criar NPCs com um absurdamente altíssimo grau de comédia, intencional ou não:

 

Spoiler

 

Nota do jogo: 9/10

Dificuldade do 100%: 8/10

Tempo do 100%: 180 horas (70 para os troféus online, 70 para a campanha principal, 40 para as 2 DLCs)


Editado por talespagni, 18 novembro 2018 - 01:21.

talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12110 aranhaFEILONG

Postado 14 novembro 2018 - 15:09

Platina # 99 - Grand Theft Auto 4 (platina + 100%)

c97.jpg


Minha nossa, mais um GTA? Desta vez, adivinhem... a RockStar melhorou ainda mais a fórmula dos jogos de mundo aberto! Que surpresa, não?

Realmente não temos muito a acrescentar em termos do que já foi comentado nos reviews dos 3 jogos anteriores (todos citados no tópico correspondente na seção do PS4): é tudo muito bem feito, muito bem conduzido, muito engraçado e divertido. As inúmeras atividades apresentadas certamente dão um frescor necessário às explosivas missões da história, cada qual uma mais diferente da outra.

Em termos de pontos negativos, há de se citar a fraca jogabilidade de direção dos carros, que derrapam por qualquer motivo, impedindo você de atingir uma velocidade satisfatória quando anda pela cidade. Penso que foi uma tentativa de se oferecer uma direção menos arcade, o que foi posteriormente corrigido no próximo título da série. Além disso, temos também a câmera teimosa, que insiste em se auto-centralizar a todo momento, atrapalhando você de apontar para alguma direção em específico: por exemplo, ao se andar de carro e ver algo no cenário, você clica a câmera para lá, e ela quase que automaticamente volta ao seu caminho natural de mostrar somente o que está diretamente à sua frente.

Temos que levar em conta, também, que este é um jogo de 2008 (mas já?!), e que na época, mesmo apesar de todos os pesares, ele teve valores de produção altíssimos para o gênero, e também em comparação com seus similares de mundo aberto, que hoje empalidecem em retrospecto.

As DLCs são excelentes, entre as melhores do PS3: ambas são campanhas com boa duração, além de oferecer ainda mais atividades que aquelas do jogo principal. Uma ótima pedida para quem pretende alongar o tempo útil do jogo.

A platina (e o 100%, por sinal), são bem demorados: há troféus online que carecem de boost, e este é um dos piores do PS3 ao meu ver, tanto pelo lado da habilidade como pelo ângulo da repetição; e o modo campanha pede que você faça absolutamente tudo no jogo, é simplesmente o 100% mais difícil e demorado da série (já que no San Andreas não há este troféu, e no 5 o 100% não é verdadeiramente aquilo que é 100% existente no jogo); além disto, temos também outros troféus de coletáveis, atividades, matar inimigos de determinada forma e etc, o que já é lugar-comum na série, porém mesmo assim é algo vai tomar dezenas de horas do seu tempo.

Uma das DLCs, por sinal, também introduziu algo que se tornou padrão para os jogos posteriores da RockStar: fazer 100% dos requisitos de cada missão. E este troféu é dificílimo, já que alguns objetivos são bem específicos e pedem por um determinado grau de habilidade que vai tirar (ou já tirou) muita gente do sério.

Sobretudo, temos aqui um dos melhores jogos do PS3, uma verdadeira obra-prima.

Não gosto de linkar videos nos meus reviews, mas gostaria de deixar 3 aqui, provando como a série GTA é infinita na sua capacidade de criar NPCs com um absurdamente altíssimo grau de comédia, intencional ou não:

https://www.youtube....h?v=brWB8ivjjJA

https://www.youtube....h?v=cONyVSzZ6aQ

https://www.youtube....h?v=InygsSjc86w

Nota do jogo: 9/10
Dificuldade do 100%: 8/10
Tempo do 100%: 180 horas (70 para os troféus online, 70 para a campanha principal, 40 para as 2 DLCs)

Bendito "Gold Star"...
Ficava puto da vida quando não conseguia fazer uma missão no tempo estabelecido, daí ficava meses sem jogar até me lembrar do Fly the Coop... Bons tempos de GTAIV!

Enviado de meu Moto G (4) usando o Tapatalk

Editado por aranhaFEILONG, 14 novembro 2018 - 15:57.


Spoiler

#12111 talespagni

Postado 15 novembro 2018 - 15:08

Platina # 100 - Grand Theft Auto 5 (platina + 100%)

 

BHkYbZDCQAAV6-s.jpg

A suposta DLC cancelada do modo história.

 

E eis que chegamos na centésima. Pra comemorar, nada mais que um dos melhores jogos do PS3 e, como todos sabem, o produto mais rentável da história do entretenimento.

 

E claro, até o presente momento, o auge da RockStar, também: temos aqui um inacreditável mundo vivo, orgânico, povoado por diversos tipos memoráveis e atividades diferentes.

 

Pra não me alongar muito, vale a (re)leitura do que já falei nos outros 4 reviews dos jogos da série. Desta vez, obviamente, tudo é mais aperfeiçoado e caprichado, graças à inestimável ajuda da tecnologia existente nos dias de hoje, o que faz com que os jogos antigos sejam vistos como piada de mau gosto por determinadas pessoas (não por mim, só pra deixar claro).

 

A platina requer extremas doses de paciência, dedicação e, por que não, um pouco de habilidade também: o modo campanha é extenso e exaustivo, apesar de engraçado, divertido e recompensador; para conquistar os troféus você terá que fazer (quase) tudo existente no jogo. De certa forma, tivemos sorte em não precisarmos fazer exatamente tudo, o que esticaria o tempo da platina em cerca de 40/50 horas adicionais. No meio disso, alguns troféus relacionados à história, completar o maravilhoso e abrangente enredo (mais uma vez com críticas irônicas ao modo de vida americano), um ou outro troféu aleatório (matar inimigos de X maneira, completar Y missão secundária, etc) e por aí vai.

 

O (milionário) modo online, por sua vez, também é bastante demorado e certamente requer boost para se alcançar uma boa parte dos troféus. A única DLC do PS3, aliás, se encaixa nesta mesma toada, carecendo de um grupo bem treinado para conquistar os objetivos. Vale ressaltar, acima de tudo, que esta é uma das melhores experiências coop existentes em termos de videogames. Jogando com amigos, sobretudo, é garantia de dezenas de horas de diversão, ação e risadas.

 

"GTA 5", concretamente, é um dos maiores jogos da história, e um inquestionável marco da evolução, tanto tecnológica como artística, dos videogames como produto de consumo.

 

Ah, peraí... você não gostou do meu review? Então faço das "palavras" do Trevor as minhas:

 

 

Nota do jogo: 10/10
Dificuldade do 100%: 6/10
Tempo do 100%: 200 horas


talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12112 talespagni

Postado 16 novembro 2018 - 15:52

Platina # 105 - Far Cry

 

far_cry_1.jpg

 

Neste que é o jogo do início de uma das séries mais longevas e lucrativas dos videogames, controlamos um soldado (?) que, por um acidente, cai em uma ilha deserta (?) e precisa se virar pra sair vivo de lá, encontrando diversas surpresas no caminho.

 

A história, é claro, nada mais é do que um pretexto para você executar aquele trio de coisas que tanto ama num jogo do gênero: atirar, dar porrada e causar explosões. É basicamente isso.

 

Neste jogo em específico, fiquei surpreso como o enredo toma desvios fantasiosos do meio pro fim, com o surgimento de monstros mutantes oriundos de experimentos científicos. Nos demais jogos da série não há este viés de ficção científica, o que penso ser um acerto dos produtores, já que a trama ficou muito mal encaixada quando feita deste modo.

 

Em relação aos valores de produção, por se tratar de um jogo antigo não há de se exigir aquela jogabilidade que estamos (mal) acostumados; porém, mesmo assim, os controles do personagem são bem duros, a "dirigibilidade" dos veículos é precária, o sistema de stealth inexiste, as armas quebram rapidamente, te deixando na mão no meio de um tiroteio, os inimigos tem 100% de precisão de tiros, te matam rapidamente e te detectam a 10 km de distância a troco de nada... enfim, tem muita, muita coisa que vai te deixar bem nervoso durante a campanha.

 

A platina, por sua vez, é bem fácil, apesar dos pesares. Existe um glitch que faz você jogar apenas uma vez na campanha, na dificuldade mais fácil (que já é chata devido aos problemas anteriormente citados), e aí você faz a limpa de um ou outro troféu e depois efetua o glitch, que consiste em basicamente jogar o último checkpoint da última missão.

 

No mais, apesar de antigo, é um jogo bem fraco.

 

Nota do jogo: 4/10

Dificuldade da platina: 4/10

Tempo pra platina: 20 horas


Editado por talespagni, 16 novembro 2018 - 18:26.

talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12113 talespagni

Postado 16 novembro 2018 - 18:24

Platina # 106 - Far Cry 2

 

PR2827BI6896_N010518210001035_PS3_FAR_CR

Modo stealth: ON

 

Nesta continuação da famosa série, temos uma mudança de cenário e personagem (como se tornou a tônica da franquia): desta vez, somos um mercenário (a nacionalidade e características você escolhe no início da campanha; belo toque, aliás) contratado para ir à África e eliminar um contrabandista de armas, o fodão "Jackal", e encerrar, de uma vez por todas, o conflito que ele vem intensificando entre as duas facções existentes, ao vender (armas, é claro) para ambos os lados no sentido de colocar um frente ao outro.

 

A premissa, além de interessante, é desenvolvida de modo bem curioso pelos roteiristas, colocando você para escolher qual lado tomar partido: você pode tanto cumprir as missões da maneira como as ordens são dadas, ou também "subverter" tais ordens, fazendo algo diferente do que é proposto, prejudicando ainda mais os bandidos, que cedo ou tarde vão acabar se enfrentando. Ademais, os dois finais disponíveis são de certa criatividade, e certamente algo que vai te deixar puto e desolado (por um lado) e com a mosca atrás da orelha (por outro).

 

Além de mais um último ponto (a ser comentado mais à frente), acabam aqui os pontos positivos do jogo: os aspectos técnicos e de valores de produção são fracos, em que se pese que este é um jogo de 2008. A jogabilidade é muito travada: o personagem mal consegue correr por 10 segundos antes de se cansar; os veículos são horríveis de se pilotar, quebram a todo instante e parecem vítimas de um certo script que força os inimigos a te atacarem a cada 10 segundos à medida que você os pilota, não te dando sossego algum enquanto você quer atravessar o mapa; as armas quebram a todo instante, algo muito exagerado; o sistema furtivo inexiste, com todo mundo te detectando a kilometros de distância, mesmo você não disparando uma bala sequer; o mapa é complicado de se acessar, tanto na interface como na travessia; as missões são de extrema repetição, você passa o jogo todo fazendo a mesmíssima coisa (as famosas "fetch quests" - vá ali, mate fulano, vá em outro lugar, fale com beltrano, etc); e por aí vai. São inúmeras as queixas recorrentes, e isto realmente prejudica a diversão e o seu bom humor durante o processo.

 

A platina, por sua vez, é lotada de troféus perdíveis no modo campanha; mesmo o jogo tendo um ponto de não-retorno (e nos avisando claramente sobre isto), ainda assim podemos perder cerca de 1/3 dos troféus offline. É preciso muita atenção, e ir anotando tudo pra não dar xabu. Além disso, temos os 250.000.000.000 de diamantes para se coletar, algo realmente chato, cansativo e desnecessário.

 

Além disso (também), há um modo online cujo boost é absolutamente imprescindível, já que os requisitos dos troféus são impossíveis para serem feitos na raça: existe um que pede 16 pessoas numa partida (imaginem você encontrar 15 aleatórios jogando num game de 10 anos atrás!); além de atingir o nível máximo e upar todas as 45.839 armas disponíveis. Tirando o troféu comentado anteriormente, todo o resto pode ser feito em trio; ainda assim, é um dos boosts mais longos e cansativos do PS3, levando cerca de 120 horas pra se fechar tudo.

 

Mas então, por que a nota tão alta pra este jogo?

 

Por dois motivos: primeiro, o enredo. Segundo, neste jogo tive a curiosa surpresa de me deparar com os coletáveis mais fantásticos de todos os jogos que já joguei até hoje. E, claro não falo dos diamantes, mas sim das famigeradas "fitas do Jackal".

 

Oriundas de uma entrevista que o bandidão deu pra um repórter, e que foram perdidas antes de você chegar no país, estas 16 fitas são um excelente, bem elaborado e magnífico conjunto de comentários sobre a natureza humana, vindo, sim... exatamente do ponto de vista de uma pessoa que não tem escrúpulos e viu a podridão do ser humano de perto.

 

Palavras não fazem jus à qualidade do que você vai ler em seguida. Para maiores detalhes, vejam este link aqui.

 

Pelos dois motivos citados, acrescento dois pontos à nota geral do jogo.

 

Nota do jogo: 7/10

Dificuldade da platina: 7/10

Tempo pra platina: 150 horas


talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12114 Mathfrance

  •  mfpgyn

Postado 17 novembro 2018 - 02:34

#84 - full-trophy_0.pngfull-icon.png

 

Parece que a galera resolveu platinar esse jogo tudo na mesma época kkkk...Me junto ao coro sobre a excelência gráfica e de enredo do jogo, a gameplay achei boa, e tbm fiquei puto com os mais de 1000 coletáveis, mas tirando isso o saldo do game é extremamente positivo.

 

Como que um game com o envolvimento do mestre da captura de movimentos Andy Serkis, passou despercebido do público em geral? Fizeram quase tudo tão bom com o jogo e cagaram justamente no marketing :fuuu: , e com isso nunca teremos uma continuação mesmo com o jogo abrindo espaço pra isso, mas enfim saio extremamente satisfeito com o game, Ninja Theory é uma empresa que lança poucos jogos mas o fazem com qualidade, pena que agora está com a concorrente  :okay:


mathfrance.png?r=0.9345865304587919

mathfrance-jogo.png

:platinum: Platinas & :psn:100% PSN

Spoiler

 

iconCardao05.png:

Spoiler

 

:platinum: Platinart Pessoal

Spoiler


Recomendações / Empréstimos / Compra / Troca & Venda


#12115 talespagni

Postado 18 novembro 2018 - 17:55

Platina # 107 - Far Cry 3

 

farcry3.jpg

Rambo 8: Comando Delta Veloz e Furioso a Preço Fixo - Destruição Total

 

Continuando a sequência de platinas desta série tão adorada por muitos (mas não por mim), desta vez temos o que é provavelmente o jogo mais popular e querido da franquia (mas não por mim).

 

Em "Choro Distante 3" controlamos um rapaz chamado Jason Brody, que está curtindo férias numa ilha deserta com seus "bródis" (sim, eu sei, piada horrível) e se depara com uma situação inusitada: todos foram sequestrados e, adivinhem... sobra pra Jason salvar o dia, praticamente encarnando uma mistura de Rambo Stallone, Ahnold Xuaszinégs, Chuck Norris, Jason Statham, Vin Diesel, The Rock e demais congêneres.

 

Em termos de valores de produção, o jogo é claramente um passo adiante de seus predecessores: desta vez, a jogabilidade realmente foi aprimorada, com grande destaque para o sistema de stealth (que agora funciona e faz sentido); além disto, a boa variedade de missões é um grande atrativo durante a campanha; também há de se destacar, aliás, as missões e atividades secundárias, uma boa adição à um jogo que se propõe a ser de mundo aberto.

 

O grande problema deste jogo, porém, é que ele promete muito e cumpre pouco: os vilões (o tão citado e amado Vaas, principalmente) falam muito e fazem pouco, aparecendo em raríssimas ocasiões durante o enredo, praticamente uma participação especial aqui e ali. Durante a história, há um certo ensaio de que "bombásticas" revelações estão pra ocorrer, mas você, caso tenha mais de 25 de QI, enxerga elas à quilômetros de distância; e o final, que prometia ser algo chocante, também não choca coisa nenhuma, apenas te deixa com um "mas o que foi isso?" plantado acima da testa.

 

Mesmo assim, temos um jogo acima da média pro padrão de mundo aberto; sua jogabilidade excelente (talvez a melhor entre o gênero de FPS "sandbox"), aliada à sua grande variedade de atividades e duração satisfatória do modo campanha, faz com que ele seja um dos melhores do PS3, embora superestimado, ao meu ver.

 

Em termos de troféus, basicamente é aquela lista que você já está acostumado; se está lendo esta humilde resenha, sem dúvidas já sabe o que se esperar aqui. Ressaltamos que existem seis troféus onlines dentro da platina, os quais são feitos no modo coop do jogo, fora da campanha.

 

Nota do jogo: 8/10

Dificuldade da platina: 4/10

Tempo pra platina: 40 horas


talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12116 kabanas22

  • Nome:Ruan Raul

Postado 19 novembro 2018 - 08:15

#144ps3

 
Lollipop Chainsaw 
full-trophy_0.png
 
 
Tinha intenção de jogar este game já fazia alguns anos atrás, mas este jogo fui enrolando em adquirir por ter apenas em mídia física (único digital é na PSN JAP, não sei se teria legenda em PTBR), até que chegou o momento que comprei o PS4 (quase 4 anos atrás) e automaticamente deixei de jogar muitos games de PS3. Agora sem PS4 não poderia deixar passar esta oportunidade e cá estou.
 
Na época eu lido um pouco sobre o jogo... e jogando agora vi que é bem melhor do que eu esperava. 
 
Quem curti comédia besteirol aí levanta a mão?  :krumel:
 
A história é bem bizarro "Uma líder de torcida sexy caçadora de zumbis que ama pirulitos (preferencia sabor morango) e que namora com um aluno esportista que foi mordido por um zumbi e para que o mesmo não torne um zumbi a cheerleader sem pensar 2x arrancou a sua cabeça e com magia o mesmo sobrevive, sim somente a cabeça dele. Que ambos vão lutar não apenas pela sobrevivência mas sim salvar a humanidade....
Não posso afirmar mas acredito que maioria das versões do jogo tem legendas PTBR, isso facilita muito acompanhar a história e garantia de boas risadas rsrsrss
 
Este jogo contém poucas fases, apenas Prólogo + 6 níveis. Em cada nível há um chefe no final, mas é moleza. O jogo vai precisar ser jogado no mínimo 2x (1 no modo história padrão, e outra no modo classificação que é liberado após completar 1x a fase, este é o único troféu "online", que precisa jogar este modo apenas online, com a sua PSN iniciada).
A dificuldade hard é obrigatório para que alguns pirulitos / coletáveis apareçam. Troféus de zeramento não interfere na dificuldade que esteja jogando. Sem falar que há 2 finais, o bom e o ruim, logo há 2 troféus relacionado a concluir o jogo. 
 
Diria que esta platina seja moderada e um pouco demorada. Jogabilidade é meio estranho logo no começo porém rapidamente da para pegar os esquemas (depois que começa a dar upgrade na Juliet vai ficando cada vez mais tranquilo), gráficos bacana para o estilo do jogo e do ano de lançamento. Musicalidade do jogo é demais, muito boa. RnR !!!
 
E para os taradões de plantão... por Juliet ser uma líder de torcida a roupinha dela já é daquele jeito (tanto que há 1 troféu relacionado a olhar a calcinha da personagem kkkk) porém tem como escolher outras roupas uma mais Fap! que a outra.
 
 
Quem esteja jogando PS3 e ainda não jogou este belezinha aqui, recomendo e muuuuito. 
 
 
PLATINA
Spoiler

 


Editado por kabanas22, 20 novembro 2018 - 10:34.


#12117 talespagni

Postado 19 novembro 2018 - 18:50

Platina # 111 - Just Cause 2

 

96LXqdQ.jpg

Define bem a lógica do jogo.

 

O que define uma "Justa Causa"?

 

Experimentar um jogo baseado em filmes clássicos de ação e destruição dos anos 80 e 90, porém sem um pingo do charme e da graça destes?

 

Ser enviado à uma missão em um país fictício governado por um ditador, porém que tem infinitamente mais polícia nas ruas do que população nas cidades, e que é composto 95% por florestas e vegetação?

 

Controlar um protagonista mau humorado (porém, que acha que esta característica é charme!) e que tenta, a todo momento, fazer uma piadinha sobre como é fodão?

 

Ser acompanhado por coadjuvantes insossos, sem graça e desenvolvimento narrativo, porém que te enchem o saco a cada 10 segundos sobre determinada atividade?

 

Encarar uma platina que leva cerca de 80 horas, sendo apenas 10 destas gastas no modo história, e o restante com encheção de linguiça?

 

Dirigir veículos terrestres, aéreos e marítimos com uma jogabilidade horripilante, semelhante à brinquedos de papelão?

 

Passar 60 horas fazendo as mesmíssimas atividades, tais quais explodir bases e acampamentos e pegar 493.501.882.495 coletáveis, tudo isto com dezenas de inimigos no seu encalço?

 

E por falar neles: jogar um game em que os inimigos são infinitos, alertados simplesmente pelo fato de andar próximos a eles, possuem mira com 101% de precisão, e te deixam "no vermelho" com qualquer 2 ou 3 tiros?

 

Presenciar decisões esdrúxulas de design e programação, como a munição que acaba constantemente (e a qual os inimigos mortos mal derrubam pra você coletar!), checkpoints porcos, travamentos constantes (quase 15 vezes ao longo da platina!) e uma lista de troféus que, obviamente como você pode ler, estimula um "grind" monstruosamente cansativo?

 

E, após todos estes problemas, fechar esta platina?

 

Amigos, se isto não for uma Justa Causa, eu não sei o que seria.

 

Nota do jogo: 3/10

Dificuldade da platina: 6/10

Tempo pra platina: 80 horas


Editado por talespagni, 19 novembro 2018 - 18:57.

talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12118 talespagni

Postado 19 novembro 2018 - 22:15

Platina # 113 - Sniper: Ghost Warrior

 

8c5f11966e6d42919dea4514e4964063.jpg

 

Primo pobre da série "Sniper Elite", porém com jogabilidade em 1a pessoa, temos aqui (mais uma vez) as intrépidas aventuras de um atirador de elite que é enviado numa missão à algum ambiente hostil e cheio de vegetação, com orientações para eliminar toda a bandidagem e alcançar aquela bem procurada informação vital para os espiões americanos.

 

A campanha do jogo é satisfatória, com vários momentos de ação, aliados à trechos em que precisamos seguir aos comandos de nosso "spotter" (aquele cara que fica de longe, só analisando o cenário por binóculos); se você insistir em fazer algo diferente do que é informado, aí meu amigo, a coisa complica bastante.

 

A boa variedade de missões entre a campanha é um grande atrativo do jogo; outro, também, é a inclusão do conteúdo pós-lançamento já direto na versão de fábrica do jogo para o PS3, adicionando duas missões bem bacanas, divertidas e interessantes, entre os quais estão os troféus mais difíceis para a platina.

 

E por falar em troféus, temos uma lista básica do gênero, necessitando ser fechado o jogo na última dificuldade, eliminar inimigos de maneiras X, Y e Z, apanhar os coletáveis, e por aí vai. Há, também, um modo online no jogo, o qual requer quatro pessoas para se fazer o boost, que por sua vez leva cerca de 10 horas e é simples e direto.

 

No saldo geral, um bom jogo, linear em sua proposta e execução, porém não menos divertido por isto.

 

Nota do jogo: 6/10

Dificuldade da platina: 5/10

Tempo da platina: 30 horas

 

Platina # 114 - Sniper: Ghost Warrior 2 (platina + 100%)

 

ss_fe71b511f16393b69ff7ab74940e86ca3988e

"Como é que é mesmo? Ah, sim: boom, headshot!"

 

Uma ótima evolução em relação ao jogo anterior da série, com um modo campanha bacana, divertido e que se alterna ao longo de alguns períodos da vida do protagonista, trazendo pontos de vista interessantes sobre como a toada toda vai se desenvolvendo.

 

Os valores de produção, por sua vez, também foram aperfeiçoados, com a (já boa) jogabilidade se expandindo um pouco mais, além do maroto uso da famosa "bullet cam" e uma melhor (e excelente!) exploração da verticalidade e diversificação dos cenários.

 

A DLC necessária pro 100% também é bem legal, levando a história até a Sibéria, onde (mais uma vez) somos necessários para resolver um conflito. Ademais, continua a existir o modo online, onde desta vez é necessária a presença apenas de mais uma pessoa para se realizar os troféus, que são ainda mais fáceis e rápidos que os do primeiro jogo.

 

Em relação ao 100%, é tudo conforme as listagens do gênero, onde temos que zerar na última dificuldade, pegar coletáveis, e um ou outro troféu aleatório que já estamos carecas e acostumados a fazer.

 

No mais, temos aqui um dos melhores e mais subestimados jogos do PS3, que certamente agradou muita gente que se dispôs a arriscar uma aventura por estas pradarias.

 

Nota do jogo: 8/10

Dificuldade pro 100%: 4/10

Tempo pro 100%: 20 horas


Editado por talespagni, 19 novembro 2018 - 22:16.

talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4


#12119 STYLEZITOO

Postado 19 novembro 2018 - 22:45

The Amazing Spider Man

Apenas minha sexta platina, por ter jogado o "The Amazing Spider Man 2" resovi jogar esse, como dito por muitos, não é um jogo muito bom, história fraca... coletáveis chatos, porém me diverti nos primeiros capítulos

WhatsApp-Video-2018-11-19-at-18.27.45_%2


Stylezitoo.png

#12120 talespagni

Postado 20 novembro 2018 - 16:16

Platina # 116 - Alice: Madness Returns (platina + 100%)

 

alice-2.jpg

 

Temos aqui um jogo de plataforma com pitadas de ação, baseado na temática do famoso conto "Alice no País das Maravilhas".

 

Surpreendentemente, o enredo toma vias macabras, começando pelo fato de Alice iniciar a história internada num hospício, por se culpar pela morte da família num incêndio que atingiu a casa onde moravam, matando todos.

 

Em termos de valores de produção, o game não apresenta nada acima da média, com um ligeiro destaque para o design das fases, cada qual com a sua variação dentro da mente doentia da protagonista. Entretanto, os capítulos são demasiadamente longos, o que torna o jogo cansativo e repetitivo.

 

Junto ao jogo base, temos também a DLC "American McGee's Alice", que nada mais é o 1o jogo desta que futuramente poderá se tornar uma trilogia. Bem antigo e com controles que vão te deixar bravo demais da conta, este aqui é somente pela curiosidade e diversão (e troféus) mesmo.

 

E por falar em troféus, há trocentos coletáveis no game, o que infelizmente incha o seu tempo útil. No mais, precisamos zerar na última dificuldade, melhorar todas as armas, eliminar inimigos de determinada maneira, e aquele velho lenga lenga que já estamos acostumados. Nada muito trabalhoso ou fora da curva.

 

No mais, um jogo mediano, porém com um viés narrativo interessante, mas que talvez não agrade a todos.

 

Nota do jogo: 5/10

Dificuldade do 100%: 5/10 (pontos extras devido à jogabilidade da DLC)

Tempo pro 100%: 25 horas


talespagni.png

 

Os melhores jogos (que já joguei): PS3 e PS4





0 usuário(s) está(ão) lendo este tópico

0 membros, 0 visitantes, 0 membros anônimos